Paulo Coelho recomenda que Moro veja a série 'Vendetta', sobre juíza parcial

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
*ARQUIVO*  Rio de Janeiro, RJ, 27.03.2003 - O escritor Paulo Coelho em sua residência em Copacabana, no Rio. (Foto Marco Antônio Rezende/Folhapress)
*ARQUIVO* Rio de Janeiro, RJ, 27.03.2003 - O escritor Paulo Coelho em sua residência em Copacabana, no Rio. (Foto Marco Antônio Rezende/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O escritor Paulo Coelho recomendou ao ex-juiz Sergio Moro que assista à série documental italiana "Vendetta, a Guerra Antimáfia" disponível na Netflix.

A produção conta a história do jornalista Piero Maniaci e da juíza Silvana Saguto que, de formas diferentes, aparecem atuando para enfrentar a Máfia Siciliana, a Cosa Nostra, que inspirou a história do filme "O Poderoso Chefão". Ambos acabam acusados de cometerem crimes no curso de seus trabalhos e são julgados —a juíza é proibida de seguir na magistratura e condenada à prisão por clientelismo.

“Quem deveria ver é o Moro. Clássico caso de lawfare”, escreveu Paulo Coelho no Twitter.

O termo "lawfare" se refere à utilização de instrumentos jurídicos para articular uma perseguição política. A defesa de Lula (PT) diz que Moro, ex-ministro do governo de Jair Bolsonaro (sem partido), se utilizou da prática no julgamento do ex-presidente na Lava Jato.

Em junho, o STF (Supremo Tribunal Federal) confirmou decisão da 2ª Turma da Corte que declarou que Moro foi parcial ao condenar Lula à prisão no caso do tríplex do Guarujá (SP).

Dias depois, o ministro Gilmar Mendes concedeu a extensão da suspeição de Sergio Moro para os outros dois processos em que o ex-juiz atuou contra Lula na 13ª Vara Federal de Curitiba –o do sítio de Atibaia e o de doação de um imóvel para o Instituto Lula.

Em 2019, os advogados Cristiano Zanin Martins e Valeska Teixeira Zanin Martins, que cuidam da defesa de Lula na Lava Jato, lançaram o livro “Lawfare: Uma Introdução” (ed. Contracorrente).

Coelho fez a declaração ao recomendar a coluna de Mauricio Stycer sobre a série Vendetta publicada na edição da Folha desta quinta (7).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos