Paulo André quer elevar atletismo, mas não descarta ser cantor ou modelo

***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 15.05.2019 - Retrato do atleta Paulo André, vice-campeão do BBB 2022. (Foto: Eduardo Knapp/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 15.05.2019 - Retrato do atleta Paulo André, vice-campeão do BBB 2022. (Foto: Eduardo Knapp/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Vice-campeão do Big Brother Brasil 22 (Globo), Paulo André, 23, conta que ainda não sabe o que fará com os mais de R$ 250 mil que levou de premiações no reality. Porém, ele tem a vontade de elevar o nome do esporte que o levou ao estrelato: o atletismo.

"Entrei para dar mais visibilidade ao esporte, lutamos para o atletismo ser reconhecido. O atletismo continua sendo a coisa que mais amo", diz ele em entrevista à imprensa na manhã desta quarta-feira (27).

Justamente por isso, P.A quer alavancar um projeto de instituição que ele diz já ter no papel para ajudar crianças e pessoas em geral a se tornarem grandes vitoriosos no mundo das corridas.

Mas nem mesmo isso tira dele a possibilidade de enveredar por outros caminhos. Dentro do BBB, P.A mostrou qualidade no canto e se destacou pela beleza, já que sempre foi muito elogiado por fãs e artistas como Anitta.

"Não posso esquecer que foi o atletismo que me levou ao lugar que estou hoje, mas já sabia que poderia rolar esse embate com outras carreiras como cantor ou modelo. Tenho essa vontade de cantar também, mas antes quero realizar sonhos como atleta. Mas digo que não seria inteligente fechar portas", destaca.

A partir de agora, Paulo André terá a oportunidade de rever tudo o que passou e, inclusive, conversar com Jade Picon, com quem ele teve um romance dentro do jogo. Sem saber se ela vai querer algo sério, P.A é cauteloso ao falar da amiga.

"Não sabia que tinha repercutido tanto aqui fora esse lance meu com ela. Mas fiquei amarradão, a Jade é muito maneira. Quero organizar as coisas na minha cabeça para depois pensar no futuro. Não combinamos nada sobre namoro, então não posso afirmar", encerra.

Com 68,96% dos votos, Arthur Aguiar venceu o BBB e levou o prêmio de R$ 1,5 milhão. Numa final inédita, apenas com homens e membros do grupo Camarote, ele desbancou Paulo André e Douglas Silva, que receberam 29,91% e 1,13% dos votos, respectivamente.

A disputa entre os três, entretanto, foi a maior da história do programa em número de votos numa final, com 751.366.679 votos. O número ultrapassou o da final do BBB 21, que figurava em primeiro lugar com 633.284.707 votos.

A votação desta terça (26) foi também a segunda maior da história do reality. Só perde para o Paredão entre Manu Gavassi, Felipe Prior e Mari Gonzalez no BBB 20, que alcançou a marca de 1,5 bilhão de votos e entrou para o Guinness World Records.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos