Paula Sperling anuncia arquivamento de inquérito por injúria religiosa

Paula Sperling (Foto: Reprodução/Instagram @paulasperlingreal)

Paula Sperling anunciou nesta quarta-feira (16) o arquivamento do inquérito policial contra ela. A campeã do ‘Big Brother Brasil 19’ foi acusada de intolerância religiosa no confinamento e investigada assim que saiu da casa em abril deste ano. “Vitória minha e da minha família”, escreve no Instagram.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

A decisão do Ministério Público foi tomada no dia 9 de outubro. O juiz responsável pelo processo lamenta as declarações de Paula que levaram ao inquérito, mas entende que não pode tornar as opiniões criminosas.

Leia também

Durante o programa, Paula declarou ter medo do participante Rodrigo França por ele ter contato com “esse negócio de Oxum”. No dia da eliminação de Maycon, ela também insinuou que o carioca havia feito algum trabalho espiritual para continuar no reality show.

A mineira agradeceu o apoio dos fãs nos Instagram e ponderou sobre o episódio. “Depois de tantas falácias e repercussões, digo que tudo na vida é um aprendizado. Pense antes de falar, não se pronuncie sobre algo que não tem real conhecimento e palavras jamais poderão voltar”, diz em texto.

Paula Sperling comemora arquivamento de processo (Foto: Reprodução/Instagram @paulasperlingreal)

A ex-BBB ainda compartilhou o resumo da decisão. Confira:

Decisão do MP sobre o inquérito aberto contra Paula Sperling (Foto: Reprodução/Instagram @paulasperlingreal)