Patrícia Abravanel se explica após declaração polêmica: 'Grande brincadeira'

Reprodução/SBT

O vídeo em que Patrícia Abravanel diz que uma mulher não deve negar sexo ao marido repercutiu nas redes sociais. Para muitos, a filha de Silvio Santos foi machista e defendeu o estupro marital. A declaração foi feita durante o ‘Jogo dos Pontinhos’, quadro do ‘Programa Silvio Santos’, no último domingo (1).

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Nesta terça-feira (3), após ficar entre os assuntos mais comentados da internet, a apresentadora usou seu perfil no Instagram para esclarecer a polêmica. Segundo ela, ninguém é obrigado a fazer o que não quer.

Leia também:

“Primeiro preciso lembrar que o ‘Jogo dos Pontinhos’ é uma grande brincadeira. Óbvio que a mulher pode negar fogo ao marido. Ninguém é obrigado a fazer aquilo que não quer”, iniciou a artista.

Na sequência, Patrícia garantiu que durante o programa lembrou de um ensinamento sobre casamento e achou curioso ter algo sobre o tema na Bíblia. “Mas não vou falar da Bíblia. Vou falar de mim. De novo: a mulher não é obrigada a fazer amor com seu marido no dia que não está bem. Homens e mulheres têm, muitas vezes, tempos diferentes”, afirmou.

A herdeira do patrão ainda explicou que defende a importância de um esforço para os “encontros” entre marido e mulher. “Para mim, confesso que ainda não é um esforço. Amo estar com o meu marido! Mas se daqui a alguns anos for diferente, acredito que esse esforço será um gesto de amor”, disse ela.

No fim do texto, Patrícia Abravanel pediu para todos fazerem mais amor e afirmou que foi só isso o que ela defendeu no palco do SBT. “Se entreguem um para o outro, curtam, cuidem desse amor. Foi isso que eu quis dizer”, finalizou.

Veja o desabafo completo:

Foto: Reprodução/Instagram (@patriciaabravanel)