Passeador dos cães de Lady Gaga tem alta após retirar parte do pulmão

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Ryan Fischer, 30, o passeador de cães de Lady Gaga, 34, recebeu alta do hospital, em Los Angeles, após retirar parte do pulmão. Em fevereiro deste ano, ele foi alvejado no peito enquanto passeava com os animais da cantora –os buldogues franceses foram levados e devolvidos dois dias depois. De acordo com o site TMZ, Fischer teve complicações nos pulmões e chegou a um ponto em que foi submetido a cirurgia para remover parte deles. "Minha recuperação se tornou tudo menos uma linha reta", disse o passeador de cães. Em uma rede social, Fischer publicou um vídeo no qual mostra o momento em que se arruma para deixar o hospital após mais de um mês internado. Ao som da música "Coming Around Again", ele chega a rasgar a camisola hospitalar e a mostrar os machucados e os processos cirúrgicos no corpo. O passeador de cães escreveu uma mensagem na qual narra os momentos iniciais de sua recuperação. Ele comenta sobre a vez em que fez uma pausa durante uma caminhada para recuperar o fôlego e parou para admirar uma obra de arte no hospital. "Foi uma das primeiras caminhadas desde que fui transferido da UTI para outro andar. E só o ato de pensar e consumir arte, principalmente depois de um ano sem ir a museus por causa da Covid, parecia um presente", afirmou o passeador de cães, que no início de março disse estar bem próximo da morte. Em outro trecho, Fischer avalia que sua recuperação foi rápida e recorda que, "em dias, passei de sangramento na calçada a paciente excessivamente ativo na UTI (ao que eles não estavam acostumados), à espera da cura do meu pulmão para ir para casa: tudo parecia bastante simples". "Com o dreno torácico removido –o que só posso equiparar à extração de um bebê alienígena– e meu oxigênio no sangue estável, a jornada de recuperação lá fora com meus entes queridos começou", prossegue. "A jornada é difícil, é certamente dolorosa, e escolhas questionáveis que não me servem mais como usar jeans skinny são feitas", diz Fischer, em referência à calça escolhida para usar na saída do hospital. "Mas eu tento. E em algum lugar dentro disso eu encontro o absurdo, a maravilha e a beleza que esta vida oferece a todos nós." Ryan Fischer passeava com os três cachorros de Lady Gaga: Koji, Gustav e Miss Asia. Os dois primeiros foram roubados, mas Miss Asia correu e foi recuperada em seguida. A cantora logo divulgou que daria uma recompensa de R$ 2,7 milhões pela devolução dos animais. Segundo o site TMZ, uma mulher encontrou os cachorros e os entregou ilesos em uma estação de polícia da cidade. Na época, fontes próximas à cantora afirmaram que ela, que estava na Itália para a gravação de um filme, chorou de emoção ao saber da notícia.