Homem é indiciado em processo sobre perseguição a Paolla Oliveira e Diogo Nogueira

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O casal Paolla Oliveira e Diogo Nogueira tem um processo aberto na Justiça por perseguição. Segundo o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, o caso está em fase de inquérito e foi registrado na Comarca Regional da Barra da Tijuca. Nenhum dos dois foi encontrado para comentar.

Segundo o jornal O Globo, um homem português já foi indiciado pelo crime e agora também tem sido investigado por alguns outros como injúria e lesão corporal. O TJ-RJ e a Polícia Civil não puderam passar mais informações, mas segundo a publicação, o promotor Márcio Almeida Ribeiro da Silva alegou que há indícios de "perseguição há meses" por parte do homem ao casal.

A primeira tentativa de interação dele com Paolla aconteceu em fevereiro quando descobriu o endereço da atriz. Na ocasião, chegou lá e disse que queria entrar para reaver um celular. Porém, como a atriz já vinha recebendo mensagens ofensivas e até declarações de amor pelas redes sociais, ordenou que ele não entrasse, pois sabia de quem se tratava. Então, o homem teria começado a falar coisas desconexas e xingamentos. Ela chegou a solicitar uma medida protetiva contra ele na época.

O sambista Diogo Nogueira estava na casa de Paolla e foi até a portaria tentar um diálogo com o rapaz. Porém, segundo o jornal, ele teria começado a ofender Diogo, e o músico teria desferido um soco nele. A polícia foi chamada e o homem encaminhado à delegacia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos