A Pantera Cor De Rosa 2 na Sessão da Tarde (23/01): Comédia trouxe uma amarga surpresa para a carreira de Steve Martin

O mês de janeiro já está chegando ao fim, mas não sem antes de apresentar uma nova maratona de sucessos na Sessão da Tarde. Para começar a programação desta segunda-feira (23), a TV Globo vai exibir A Pantera Cor de Rosa 2, longa dirigido por Harald Zwart, conhecido por Karatê Kid, Os Instrumentos Mortais: Cidades dos Ossos e o recente O Troll da Montanha.

Estrelada por Steve Martin, agraciado nos últimos anos com diversas indicações por Only Murders in the Building, a trama dá sequência ao filme de 2006. Quando famosos tesouros ao redor do mundo são roubados, entre eles o lendário diamante Pantera Cor-de-Rosa, o inspetor-chefe Dreyfus (John Cleese) é obrigado a convocar o inspetor Jacques Clouseau (Steve Martin) para integrar uma equipe internacional de investigação.

Para realizar o trabalho, Clouseau conta com a ajuda de seu parceiro Ponton (Jean Reno) e de Nicole (Emily Mortimer), por quem sente-se atraído.

Sequência rendeu uma das piores indicações a Steve Martin

Steve Martin tem uma extensa carreira em Hollywood, com diversos marcos na carreira como O Panaca, Doze é Demais, A Casa Caiu, O Pai da Noiva e a série Only Murders in the Building. No entanto, o projeto lançado em 2009 possivelmente está em sua lista decepções, já que pelo filme foi indicado duplamente ao Framboesa de Ouro, considerada a "premiação dos piores do ano". No Rotten Tomatoes, o filme amarga com apenas 13% de aprovação da crítica ao lado de 42% da audiência.

Antes das amargas recepções, Steve retornou ao papel por amar o personagem, além da oportunidade de fazer comédia recheada de humor físico e burlesco.

Beyoncé fora

A cantora mais premiada da história do Grammy, Beyoncé esteve no primeiro filme, mas não retornou para a sequência. Dessa forma, os produtores decidiram colocar outra artista como a protagonista feminina da trama. Emma Bunton, conhecida por integrar o grupo Spice Girls, foi escalada para o projeto. Ela chegou a topar, mas precisou abandonar o trabalho após descobrir estar grávida, além dos compromissos de sua turnê em 2007. Ao fim, o filme ficou sem a personagem.

Leia o artigo em AdoroCinema

O Pai da Noiva: Steve Martin vai atuar em terceiro filme da franquia, que terá casamento gay

O Pai da Noiva: Reunião de elenco da comédia romântica na Netflix ganha trailer

Paul Rudd é escalado para uma das séries de comédia mais elogiadas do momento

Only Murders In The Building: Por que a série estrelada por Selena Gomez pode ganhar o Emmy 2022? (Opinião)