Tenório tentará se vingar de José Leôncio roubando direitos de Juma; entenda

A rivalidade entre Tenório (Murilo Benício) e José Leôncio (Marcos Palmeira) vai ficar ainda mais acirrada em "Pantanal". O vilão ficará revoltado quando souber que José Leôncio recebeu Maria Bruaca (Isabel Teixeira) em sua fazenda, e dará um jeito de dar o troco envolvendo Juma (Alanis Guillen).

Ao saber que a jovem está novamente na tapera após brigar com Jove (Jesuíta Barbosa), Tenório ameaçará comprar os direitos de terra que envolvem o local. Grileiro, ele é responsável pelas mortes das famílias de Juma e Muda (Bella Campos) em disputas de terra antigas.

Juma enfrenta Tenório

Antes de ir para a fazenda de José Leôncio, Maria Bruaca será recebida por Juma na tapera. A dona de casa, entretanto, não está livre do perigo: nos próximos capítulos da trama, Tenório tentará entrar no local para falar com a ex-esposa.

Juma, entretanto, não demonstrará medo e receberá Tenório já com a arma na mão. "Baixe essa arma, Juma, eu sou de paz", dirá Tenório, tentando se aproximar. "Pois eu não lhe dei permissão pra falar meu nome. Suma daqui, e não demore muito", responderá Juma, apertando o gatilho.

Assustado, Tenório vai recuar e correr em direção ao rio enquanto xinga a jovem. "Para com isso, sua maluca, maldita". Com a intervenção de Juma, Bruaca consegue permanecer segura. Posteriormente, a dona de casa receberá o convite de Alcides (Juliano Cazarré) para morar na fazenda de José Leôncio. Comovido com a situação de Bruaca, o fazendeiro contratará uma advogada para ajudá-la a se defender de Tenório.

Nova personagem

Após ser expulsa da fazenda de Tenório, Maria Bruaca vai começar a reagir nos próximos capítulos de "Pantanal". A dona de casa construiu a fortuna de Tenório ao lado dele, mas até o momento não sabe que possui direitos caso os dois de fato se divorciem.

Em breve, entra na trama a advogada Maria Eugênia (Luciana Borghi), que ajudará Bruaca a ir em frente com um processo contra o ex-marido. José Leôncio será o responsável por ajudar Bruaca ao contratar a profissional.

"Maria Eugênia vem falar de um assunto que a gente não pode deixar de falar em situação nenhuma: o abuso e a violência doméstica não se limitam à agressão física. Muitas mulheres acham que se não apanharem, não estão em relação abusiva. E é o caso da Bruaca, que sofreu uma violência absurda sem o Tenório ter lhe encostado a mão. E é uma dor tão grande quanto se fosse", afirmou Luciana Borghi sobre sua personagem em papo com o "Gshow".

A advogada ensinará Bruaca sobre seus direitos ao citar a Lei Maria da Penha. "Fiquei muito feliz de explicar sobre as leis e direitos pra Bruaca e falar com mulheres do país sobre o assunto. É muita coisa envolvida: não se pode mais achar normal que homem bata mulher, que heteronormativo possa bater em gay ou que garimpeiro pode pegar terra de índio. A gente que tem acesso a falar com pessoas não pode tratar isso de forma leviana e é bom ter essa voz na novela".