Bruno Gissoni estimula vida offline nas filhas pequenas: “Sintam a terra”

Bruno Gissoni na campanha da Cartago com as filhas, Madalena e Amélia (foto: Divulgação / Cartago)
Bruno Gissoni na campanha da Cartago com as filhas, Madalena e Amélia (foto: Divulgação / Cartago)

Resumo da Notícia:

  • Bruno Gissoni é pai de Madalena e Amélia, do seu casamento com Yanna Lavigne

  • Ator, ele é o irmão mais velho de Felipe e Rodrigo Simas

  • Com uma conexão profunda com a natureza, ele busca passar estes valores às filhas

Bruno Gissoni é o filho mais velho de três irmãos que sempre, até na profissão, foram muito unidos e ligados com uma vida ‘off line’ com a prática de esportes e contato com a natureza. Ele é pai de Madalena e Amélia, fruto de seu casamento com Yanna Lavigne.

Rosto da campanha de dia dos pais da Cartago, ele conversou com o Yahoo sobre paternar e estilo. “Prezo pelo conforto, pela praticidade. Já me visto assim e parece que as peças que uso foram feitas para mim. Na minha rotina de levar minhas filhas para escola, cuidar da casa ou ensaiar, essa praticidade e conforto se encaixaram perfeitamente por aqui”, recomenda.

Hoje com 35 anos, ele é pai de Madalena, de 5 anos, e Amélia, que nasceu em janeiro deste ano, e deseja estimular nas meninas o mesmo espírito ‘real’. “As gerações das minhas filhas serão, certamente, mais conectadas. Porém, é necessário fazer com que elas coloquem os pés no chão, sintam a terra, sintam a grama. Quanto mais evoluirmos para o digital, mais precisamos que o espiritual e o físico evoluam também. Queremos inserir o contato com a natureza na realidade das nossas filhas”, deseja.

Bruno acredita que “a vida acontece entre os planos que você faz para o futuro”. Entre um e outro, o ator vive intensamente o presente. “Tento fazer com que meu momento de agora com minhas filhas tenha muito valor. Que sejam momentos leves, de conexão, de olho no olho, de declarações de amor. Temos muita sorte de estar vivos, eu especialmente por estar rodeado das pessoas que amo e todas com saúde”, comemora.

O ator ainda avalia que a chegada de Madalena, há cinco anos, o fez ver o mundo de outra forma. “Tento enxergar mais pra elas do que para mim. Quando não tinha filhas, o mundo era meu. Hoje o mundo é delas e estou aqui para melhorar nossa casinha, para que a vida delas faça mais sentido”, reforça.

Entre os irmãos, Bruno não é o único a paternar. Felipe Simas, seu irmão do meio, é pai de três filhos e a troca é sempre bem-vinda. “Observar meu irmão fazer a mesma coisa, porém de uma forma diferente – tão linda e poderosa quanto –, só me enche de amor. Poder unir a família através das gerações abaixo da nossa é lindo. Temos pontos de vista de tios, pais, irmãos, cunhados... vivenciamos muitas emoções e muitos estágios do amor dentro de nossa própria família. Isso é sagrado!”, conclui.