Ozzy precisou de quatro doses de anestesia para fazer cirurgia devido às drogas

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
*Arquivo* SÃO PAULO, SP, 25.04.2015 - O cantor Ozzy Osbourne, do Black Sabbath, durante show em São Paulo. (Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress)
*Arquivo* SÃO PAULO, SP, 25.04.2015 - O cantor Ozzy Osbourne, do Black Sabbath, durante show em São Paulo. (Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O cantor Ozzy Osbourne, do Black Sabbath, teve de tomar quatro vezes a dose normal de anestesia para realizar uma cirurgia, contou ele à rádio Sirius XM. Na entrevista ele diz que o antigo consumo de drogas --que ele diz não usar mais hoje, aos 73 anos-- aumentou muito sua tolerância aos efeitos da medicação, o que chegou a espantar o anestesista que o encaminhava para uma cirurgia na coluna.

"Eu passei por uma cirurgia quando ainda usava todas essas porcarias", começou o roqueiro. "O cara da anestesia estava falando, 'há quanto tempo você trabalha com música?'. Aí disse que há muitos anos e continuei falando. Aí ele perguntou, 'por que você ainda não dormiu?'. Precisei de quatro doses das habituais duas seringas cheias que colocam para alguém dormir", contou Ozzy.

O procedimento buscava resolver uma série de problemas de saúde desde que ele sofreu um acidente quase fatal de bicicleta em 2003.

"O que me mantém longe das drogas hoje é que eu caí na real. Uma das principais razões de ter me voltado para a minha família é porque não fico mais completamente fora de mim", disse o cantor. Ainda assim, ele teve uma recente recaída quando gastou £ 600 em maconha de uma loja em Los Angeles, onde mora.

"Eu peguei e pensei: 'Por que diabos eu comprei isso? Quatro onças [mais de 100 gramas]? Acabei de ter Covid, então não posso fumar de qualquer maneira. Eu tive um daqueles pensamentos 'isso seria bom'. Mas não fumei um".

Ozzy segue ativo e lançou o single "Patient Number 9", sobre um homem em um hospital psiquiátrico. Mas o cantor foi diagnosticado com Parkinson e adiou uma turnê europeia com o Judas Priest pela segunda vez --agora ficou para 2023. Ozzy, que diz que agora se sente como "um cara velho", também planeja voltar para o Reino Unido.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos