O que você precisa saber para começar a quarta

Bolsonaro durante coletiva no dia 18 de março de 2020 (REUTERS/Adriano Machado)

Bolsonaro minimiza covid-19 e pede fim do 'confinamento em massa', sendo alvo de críticas da população e de parlamentares. Ministério da Saúde confirma 46 mortes por causa do novo coronavírus e pede doação de materiais. Hospital em que Bolsonaro fez teste omite nome de infectados e Índia entra em quarentena total.

Confira o que você precisa saber para começar a quarta, dia 25 de março de 2020.

Ministério da Saúde confirma 46 mortes por novo coronavírus

O Ministério da Saúde atualizou, na tarde desta terça-feira (24), para 46 o número de mortes em decorrência do novo coronavírus no Brasil. Ao todo, também foram confirmados 2.201 casos da Covid-19 no país. Até segunda-feira (23), eram 34 mortes e 1.891 casos. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Bolsonaro minimiza covid-19 e pede fim do 'confinamento em massa'

Na noite de terça (24), o Presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) fez um pronunciamento em rede nacional afirmando que o coronavírus é uma “gripezinha” e pediu o fim do “confinamento em massa”. Além disso, ele disparou contra governantes municipais e estaduais, e a TV Globo e o médico Drauzio Varella. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Bolsonaro é alvo de novo panelaço

Os panelaços voltaram a acontecer durante o discurso do presidente Jair Bolsonaro sobre o coronavírus, que aconteceu na noite desta terça-feira (24). Gritos de “Fora Bolsonaro” foram maioria em São Paulo. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Presidente do Senado: 'Brasil precisa de liderança séria'

Logo após o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro nesta terça (24), minimizando a pandemia do novo coronavírus ao dizer que é uma “gripezinha”, o presidente do Senado Davi Alcolumbre (DEM-AP) publicou uma nota afirmando que o pronunciamento do presidente foi “grave” e que o país precisa de uma “liderança séria e responsável”. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Ministério da Saúde pede doações para combater coronavírus

O Ministério da Saúde publicou nesta terça-feira um pedido para o recebimento de doação "de bens, serviços ou direitos" destinado ao combate ao novo coronavírus. Podem realizar as doações pessoas e empresas, sejam elas brasileiras ou estrangeiras, além de organizações internacionais e outros países. A pasta não detalhou nenhum bem ou serviço específico que deseja receber. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Hospital da Força Aérea omite nome de infectados; governo do DF pede explicações

O governo do Distrito Federal vai pedir que a Justiça Federal intime o governo de Jair Bolsonaro para que esclareça se houve omissão de nomes de pessoas infectadas pelo novo coronavírus, testadas no Hospital das Forças Armadas (HFA). LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Índia decreta quarentena e mundo tem 2 bi de isolados

Chamada de “bloqueio total”, a quarentena na Índia deve isolar 1,3 bilhão de pessoas. A determinação é do primeiro-ministro indiano, Narenda Modi. O anúncio da medida aconteceu nesta terça-feira. O isolamento deve durar 21 dias. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.