O que você precisa saber para começar a segunda-feira

Nasser Nasser/AP

As tensões seguem no Oriente Médio, sobretudo Irã e Iraque, com protestos contra as lideranças do país e com novos bombardeios na região; Datena cogita sair candidato à Prefeitura com plano que desagrada Bolsonaro; guaraná Dolly ameaça sair da Zona Franca de Manaus com redução de incentivos.

Veja aqui o que você precisa saber para começar a segunda-feira:

Bombas em base dos EUA

Sete bombas disparadas por morteiros atingiram uma base aérea no Iraque que abriga forças dos Estados Unidos nesse domingo (12).Quatro iraquianos teriam sido feridos. Oito foguetes Katyusha foram disparados contra a base, mas apenas sete atingiram o alvo. No Irã, multidões foram às ruas pelo segundo dia consecutivo, contra as autoridades do país, após admissão de culpa por abate de aeronave com 176 pessoas.

Diplomatas brasileiros no Irã

O Palácio do Itamaraty está avaliando a ocorrência e a intensidade de ataques entre Estados Unidos e Irã no plano traçado para evacuar as equipes de diplomatas em Teerã e em Bagdá. A transferência será feita caso haja ataques próximos aos prédios diplomáticos, que coloque a vida dos funcionários do Brasil em risco, mesmo sem uma guerra formal estabelecida.

Livros “sem ideologia”

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, divulgou um vídeo nesse sábado (11) em que defende a distribuição de livros didáticos para estudantes de escolas públicas. O post, feito no Twitter, destaca, porém, que o material não deve ter "ideologia”. “É para ensinar a ler, escrever, ciências, matemática, não é para doutrinar”, diz. Neste domingo (12), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), também em seu perfil oficial no Twitter, compartilhou o post do ministro.

Dolly fora de Manaus?

A marca de refrigerantes Dolly faz as contas para saber se haverá viabilidade de manter sua indústria de concentrados de refrigerantes em Manaus. Outra alternativa é a extinção da operação após a redução do incentivo ao setor na Zona Franca, que expirou na virada do ano. A informação foi confirmada pelo dono da empresa, Laerte Codonho.

Mais mulheres na B3

Um relatório elaborado pela Bolsa de Valores de São Paulo (B3) aponta que o número de mulheres investidoras mais que dobrou entre 2018 e 2019. Ao todo, foram 388 mil investidoras no ano passado, em comparação com as 179 mil de 2018. O número de investidoras na B3 em 2019 foi o maior desde 2002, data do primeiro levantamento que apresenta o perfil de quem investe na bolsa. O valor investido por mulheres de todo o país movimentou R$ 79 bilhões no ano passado.

Datena e as eleições 2020

Ao menos quatro propostas em estágio mais avançado buscam o apresentador José Luiz Datena (sem partido) para uma candidatura à Prefeitura de São Paulo este ano. Representantes do PSB, PP, MDB e Republicanos conversaram com o apresentador, nas últimas semanas, na tentativa de convencê-lo de que é um candidato competitivo, com chances concretas de vencer a disputa de outubro. A ideia que mais agrada Datena é uma chapa em que o vice seja o ex-governador Márcio França (PSB), seu amigo pessoal. Por outro lado, aliando-se a um candidato mais próximo da esquerda, como é o caso do partido de França, o apresentador frustraria um de seus principais conselheiros: o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).