O que são imunossuprimidos? Entenda o que significa o termo

Muitas pessoas se familiarizaram com o termo “imunossuprimidos” após o início da vacinação contra a COVID-19. Considerados parte do grupo de risco, esses pacientes possuem características que alteram o sistema imunológico de diferentes formas.

Luís Eduardo Coelho Andrade, assessor médico da área de Imunologia do Grupo Fleury, explica que o  sistema imunitário é formado por uma complexa rede de células e moléculas que estão dispersas no sangue e em todos os tecidos e órgãos do corpo.

Assim, o sistema é responsável por “vasculhar o organismo”, garantindo que tudo esteja em ordem. Quando uma anormalidade é detectada, como a presença de vírus e bactérias, as células reagem para restaurar a normalidade e combater os invasores.

“Para que o sistema imunitário funcione adequadamente, participam centenas de tipos celulares e de moléculas solúveis. Se houver deficiência em um ou mais desses componentes, o sistema imunitário pode não funcionar adequadamente, acarretando o que denominamos imunodeficiência”, conta.

Classificação das imunodeficiências

De acordo com Luís, as imunodeficiências podem ser primárias ou secundárias:

...

Veja mais


Veja também

Imunodeficiência Primária: o que é e como tratar
Shot de imunidade: o que é, para que serve e como preparar
5 posições de yoga que ajudam a fortalecer a imunidade
Conheça dez sinais de alerta para a imunidade baixa
Fique atento para as principais causas de imunidade baixa