Comer frutas ou tomar vitaminas: o que pode ou não melhorar o gosto do sêmen

·2 min de leitura
O que pode ou não melhorar o gosto do sêmen. Foto: Gettu Images
O que pode ou não melhorar o gosto do sêmen. Foto: Gettu Images

Quem gosta de fazer sexo oral em pessoas com pênis vive se perguntando: será que dá para melhorar o gosto do sêmen? A verdade amarga é que ele nunca vai ter gosto de baunilha, como muitos podem desejar. Mas, por ser uma secreção como saliva e suor, pode, sim, ter um gosto mais adocicado, neutro ou mais ácido de acordo com o organismo de quem produz.

Para entender o que influencia no gosto dessa secreção, é importante saber o que a compõe. 

Leia também:

O sêmen é fabricado no sistema reprodutor masculino e contém substâncias como proteínas, frutose, vitaminas e sais minerais. Com tudo isso, os espermatozóides representam apenas 1% do volume, e mesmo assim, em cada ejaculação — que equivale a uma colher de chá —, saem cerca de 400 milhões deles.

Há quem acredite que alguns fatores podem influenciar para que o gosto do sêmen se torne mais amargo, como beber muito álcool e café, fumar, exagerar no consumo de carnes e gorduras, entre outras coisas. Por outro lado, — apesar de não haver comprovações científicas do assunto, — parece que mudar a dieta pode mesmo ajudar. Uma teoria é que adotar o vegetarianismo e ingerir frutas em todas as refeições funcionariam como adoçantes naturais. Beber muita água também ajudaria a diluir o gosto natural da secreção. 

Ainda existem no mercado erótico vitaminas que prometem deixa o sêmen mais "gourmet", mas é melhor não confiar nestes produtos.

Outra coisa que interfere no sabor, volume e textura do esperma é frequência das ejaculações. Quanto mais o homem goza, menos denso e amargo o esperma vai ficar. 

Mas é indispensável reforçar que a saúde íntima e higiene diária também tem um papel fundamental nisso — além de impedir que o pênis seja amputado por falta de higiene adequada. E lembre-se que ao entrar em contato com as secreções íntimas — seja o sêmen ou a lubrificação vaginal —, corre o risco de contrair alguma infecção sexualmente transmissível (IST), então talvez seja melhor usar uma camisinha com sabor. 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos