O que justifica a febre do gloss na época das máscaras de proteção?

·2 min de leitura
A febre do gloss na era da máscara. Foto: Reprodução/Instagram @brunatavares
A febre do gloss na era da máscara. Foto: Reprodução/Instagram @brunatavares

Por Baárbara Martinez

O retorno das décadas de 90 e anos 2000 veio com tudo, tanto na música, como na moda e principalmente na maquiagem. Entre tantos itens, um dos comebacks mais fortes foi o batom em gloss, tão amado por uns e odiado por outros.

Depois de um tempo sendo tachado como “grudento e gosmento”, o gloss retornou em um período curioso, onde as pessoas estão usando máscaras de proteção para evitar o coronavírus. Pensando nisso, as marcas inovaram em novas fórmulas para modernizar e deixar o efeito melequento de lado. No lugar, fórmulas hidratantes, com vitaminas, acabamento suave e com duração mais extensa.

Leia também:

A febre do gloss na era da máscara. Foto: Reprodução/Instagram @fentybeauty
A febre do gloss na era da máscara. Foto: Reprodução/Instagram @fentybeauty

“É um produto interessante porque não requer acabamento, nada muito desenhado. Você pode passar e a textura vem com algo mais leve, não tão pegajoso como antigamente”, comenta Wil Lopes, maquiador do The Art Salon.

A ideia é que caso o produto borre, devido ou não a máscara, fique tudo bem com o visual. “É fácil de ser aplicado e reaplicado. Não requer tanta simetria no desenho como um batom vermelho”, revela o profissional.

A febre do gloss na era da máscara. Foto: Reprodução/Instagram @brunatavares
A febre do gloss na era da máscara. Foto: Reprodução/Instagram @brunatavares

Wil afirma que as principais formas do produto são os com texturas em glitter e os translúcidos: “Como não tem uma cor vibrante, traz uma aparência de saúde e beleza para os lábios”.

Pensando em uma make perfeita para aderir à febre do momento, o profissional aconselha brincar com os olhos. “O delineador duplo está bem em alta. Já para a noite, o olho preto, smoke eyes, é interessante”.

Outro modo para usar a tendência é aplicar o gloss na pálpebra, ganhando o efeito glossy no olhar. Neste caso, o “menos é mais”, conforme aconselha o maquiador.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos