O que é feng shui? Terapeuta dos famosos conta como ter bem-estar em casa

Marcela De Mingo
Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Você sabe o que é feng shui? Ou como aplicar essa técnica na sua casa e por que ela pode ser essencial para o seu bem-estar? A consultora de feng shui e terapeuta holística dos famosos, Katia Gonzalez explica de que forma você pode usufruir dessa arte de harmonização de ambientes e tornar a sua casa um espaço regenerador e que traz prosperidade.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Afinal, o que é feng shui?

Vamos começar pelo começo. Antes de aprender como aplicar feng shui na casa, precisamos entender o que essa arte implica. "Feng Shui é o que nos ensina como criar uma harmonia à nossa volta. A gente fala que é assim como está no nosso ambiente, assim como nós estamos na vida, no dia a dia", explica Katia.

Leia também

Produtos de casa: promoção de até 50% de desconto na Amazon

Taça flutuante é perfeita para tomar um drink na piscina sem derramar a bebida

Reforma na casa de Harry e Meghan custou US$ 3 milhões

Na tradução literal do termo em chinês, temos a junção de dois elementos: vento ("feng") e água ("shui"). Mas mesmo fazendo uso de termos aparentemente tão místicos, essa não é uma religião, mas uma técnica.

O feng shui tem várias escolas, e usa de muitas ferramentas para ser aplicado. Uma das mais comuns é o baguá, um mapa parecido com uma bússola, dividido em várias áreas da vida (como sucesso, dinheiro, relacionamentos, criatividade, família e prosperidade).

O baguá é a principal ferramenta para o feng shui (Foto: Divulgação / Katia Gonzalez)
O baguá é a principal ferramenta para o feng shui (Foto: Divulgação / Katia Gonzalez)

A planta da sua casa, do cômodo ou do terreno a ser construído vai ser colocado sobre o baguá, para que a técnica seja aplicada corretamente - e, fica a dica, o primeiro passo para isso é alinhar as áreas de carreira, amigos e espiritualidade com a porta de entrada da casa.

"O baguá é como se fosse uma borracha, porque você vai preencher os cantinhos. As nossas arquiteturas normalmente são quadradas, ao contrário do baguá. Eu preciso colocar o meio do baguá no meio do espaço onde eu vou fazer a cura. O feng shui funciona também como um acupuntura do espaço", continua a consultora. "Nós vamos ativar a área de relacionamento, a área de autorrealização, de prosperidade, de família, de acordo com o que nós estamos precisando".

Como usar o feng shui para aumentar o seu bem-estar?

De posse do baguá e com o básico a respeito da técnica em mente, é o momento mais esperado: como aplicar o feng shui na sua casa. Para isso, você pode começar com algumas dicas básicas:

1.Faça uma limpeza

"A primeira coisa é limpar. Nada remendado, nada colado, nada que não usa. Joga fora as revistas, limpa essa gaveta, limpa sapatos e vamos que vamos!", diz Katia. Sim, aplicar o feng shui significa mudança e, para isso, você vai precisa desapegar daquilo que não tem uso para você ou remete a lembranças ruins.

Outra coisa: nada de remendos ou coisas quebradas em casa. É o momento de arrumar o que precisa ser arrumado e ter tudo funcionando. Nem mesmo a pia que pinga sai ilesa dessa limpeza toda.

2.Considere os materiais de cada área

Cada casa no feng shui é correspondente a um elemento diferente, como terra, fogo, metal, água e madeira. E cada um desses elementos pode ser representado por itens decorativos na sua casa. Por exemplo, se você pensa em construir uma lareira, o ideal é que ela fique na região do fogo, segundo o baguá. Já na área de terra, você pode usar como parte da decoração vasos de barro ou outros elementos que façam alusão à tudo aquilo que vem da própria terra.

3.Saiba qual a cura que você busca

Outro ponto importante: para trazer mais harmonia para a sua casa e ajudar nas questões pelas quais você está passando, é preciso saber o seu objetivo com a técnica. A meta final é gerar equilíbrio entre todas as áreas, mas se você sente que precisa desenvolver mais o seu lado criativo ou os seus relacionamentos cotidianos, vale a pena dar mais atenção a esses pontos do baguá e, consequentemente, da sua casa.

4.Considere também a função de cada espaço

Aplicar o feng shui no quarto, por exemplo, significa também entender a função desse ambiente. Já que passamos mais de um terço das nossas vidas por ali, porque não olhar para ele com mais carinho? A partir da técnica, esse ambiente precisa estar alinhado com a meta no descanso e na recuperação das energias. Ou seja, eletrônicos (como celulares e televisores) devem ficar bem longe dali, e o quarto em si, deve estar distante da porta de entrada da casa.

5.Atenção especial aos espelhos

Você já deve ter ouvido falar que espelho no quarto não é uma ideia. Katia explica que, na verdade, é possível ter um espelho no quarto sim, desde que ele não reflita a cama - de jeito nenhum! O importante é que você não se veja no espelho quando estiver dormindo, porque isso significa que esse item de decoração está tirando a energia de você em um ambiente que deveria ser regenerativo, mas é bem-vindo na entrada da casa.

6.Simplifique!

Não pense que você precisa de muito para ter um ambiente harmonioso. Na era de aquário, em que estamos agora, a ideia é simplicar e deixar por perto apenas o que é realmente necessário para que o seu dia a dia funcione bem. Entenda os seus horários, as suas necessidades e coloque na sua casa só o que ajudar você a tornar a rotina mais fácil.