O Flamengo, o dia 23 de novembro e a Conmebol Libertadores – os mistérios do futebol

Antonio Mota
·1 minuto de leitura

O Flamengo tem motivos de sobra para comemorar nesta segunda-feira, 23 de novembro de 2020, e todos diretamente ligados à Conmebol Libertadores. Afinal, há exatos 39 anos, em 1981, o Rubro-Negro derrotava (2 a 0) o Cobreloa-CHI e conquistava a América pela primeira vez. E, há um ano, em 2019, no mesmo dia, o Mais Querido superava (2 a 1) o River Plate-ARG e erguia sua segunda taça do torneio mais importante do continente.

Um outro fato interessante e curioso acerca do “Dia da Glória Rubro-Negra” é que, nas duas decisões, o Fla teve um grande herói: em 1981, Zico; em 2019, Gabigol. Ambos marcaram os gols da equipe na finalíssima e foram determinantes para os títulos. “23 de novembro é, definitivamente, o dia da #GlóriaEternaRubroNegra!”, publicou o clube em suas redes sociais.

E aí, Nação, coincidência do mundo da bola ou “mística do futebol”? Confira abaixo a repercussão dessa data.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.