'Nunca pus os pés lá', diz Whindersson Nunes sobre ação de despejo

*Arquivo* RIO DE JANEIRO, RJ, 23.02.2020 -  O comediante Whindersson Nunes. (Foto: Marlene Bergamo/Folhapress)
*Arquivo* RIO DE JANEIRO, RJ, 23.02.2020 - O comediante Whindersson Nunes. (Foto: Marlene Bergamo/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O comediante Whindersson Nunes, 27, desabafou sobre o seu atual momento e pela ação de despejo na Justiça contra ele por um suposto não pagamento de aluguéis.

"Mês passado eu paguei R$ 8.000 reais em pedras pra jardim. Detalhe: eu não tenho jardim. Hoje eu fui despejado de um lugar que eu nunca pus os pés dentro", declarou.

O humorista foi alvo de um processo que tramita na Justiça de São Paulo por falta de quitação de débitos em dois escritórios, e a ação tem o valor de quase R$ 90 mil.

Em demais postagens, Nunes também reclamou dos pedidos de ajuda que recebe diariamente. "É frustrante demais o dia a dia, trabalhar pela felicidade dos outros é a sina do palhaço", disse.

"Metade de todo meu custo mensal são os 'pra você não custa nada'. Todo áudio que eu escuto no WhatsApp, dependendo do tempo do áudio, vai me custar entre R$ 1.500 e R$ 3.000", desabafou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos