Acusado de agredir um paparazzo, Justin Bieber terá de se explicar à polícia

Container Conteúdo

O cantor Justin Bieber terá de prestar depoimento na delegacia de Los Angeles para esclarecer a acusação de um paparazzo que afirmou que o popstar teen o agrediu neste fim de semana, de acordo com o tabloide inglês “The Sun”.

De acordo com a publicação, tudo começou quando Justin e sua namorada, Selena Gomez, deixavam um cinema localizado na cidade de Calabasas, na Califórnia.

O xerife do departamento de polícia de Los Angeles, Robert Wiard, declarou ao tabloide que, para conseguir fotografar os astros teens, o paparazzo bloqueou a passagem do veículo onde estava o casal e se recusou a sair da frente, irritando Justin e dando início a confusão.

O cantor foi fotografado correndo atrás do paparazzo e também sem o seu boné e um dos tênis, que acabou perdendo na perseguição.

A publicação não afirmou se Justin realmente partiu para a agressão física, no entanto, o fotógrafo ligou para a chamada de emergência 911, reclamando de dores no rosto e no peito depois de uma “briga”.

Porém, quando a polícia chegou ao local, os astros já haviam ido embora. Já o paparazzo foi levado ao hospital, onde foi tratado e liberado.