Notícias do dia - O que você precisa saber para começar o domingo

Redação Notícias
·4 minuto de leitura
Brazilian President Jair Bolsonaro gestures as he speaks during a press conference on a new fuel tax policy at Planalto Palace in Brasilia on February 5, 2021. (Photo by EVARISTO SA / AFP) (Photo by EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
Brazilian President Jair Bolsonaro gestures as he speaks during a press conference on a new fuel tax policy at Planalto Palace in Brasilia on February 5, 2021. (Photo by EVARISTO SA / AFP) (Photo by EVARISTO SA/AFP via Getty Images)

Após interferência na Petrobras, Bolsonaro promete mais mudanças; Petrobras perderá R$ 100 bi após mudança de Bolsonaro; Maia ironiza Bolsonaro após troca na Petrobras: "Vai demitir Ernesto e Salles?"; Covid: Cresce percentual de vítimas abaixo dos 60 anos; 'Se tudo depender de mim, não seria este regime', diz Bolsonaro; Governo autoriza dispensa de licitação para comprar vacinas russa e indiana; Bispo mexicano diz que usar máscaras contra o coronavírus "é não confiar em Deus"; Rússia anuncia 1o caso de transmissão da cepa H5N8 de gripe aviária ao ser humano e PT vê em empresária nome do "capital" para chapa presidencial para 2022.

Confira o que você precisa saber para começar o domingo, 21 de fevereiro de 2021:

Após interferência na Petrobras, Bolsonaro promete mais mudanças

O presidente Jair Bolsonaro justificou neste sábado a troca no comando da Petrobras ao afirmar que precisa "trocar peças que não estejam dando certo". Sem mencionar a empresa nominalmente, ele citou a "troca de ontem" e disse que "na semana que vem teremos mais". LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Petrobras perderá R$ 100 bi após mudança de Bolsonaro

Investidores deram início a um desembarque das ações da Petrobras. As perdas acumuladas até a sexta-feira (19) somam R$ 60 bilhões e devem chegar a R$ 100 bilhões nesta segunda (22) devido ao que chamam de intervenção do governo na companhia. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Maia ironiza Bolsonaro após troca na Petrobras: "Vai demitir Ernesto e Salles?"

O ex-presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), ironizou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que prometeu mais mudanças após a troca do comando da Petrobras. Na última sexta-feira (19), o general Joaquim Silva e Luna foi indicado para a chefia da estatal no lugar de Roberto Castello Branco. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Covid: Cresce percentual de vítimas abaixo dos 60 anos

Pela primeira vez em quase um ano, cresceu o percentual de pacientes mortos pelo novo coronavírus no Brasil que não são idosos. Em janeiro, na média, 24,9% das vítimas fatais da Covid-19 têm 60 anos ou menos, o que representa 1 a cada 4 óbitos provocados pela doença. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

'Se tudo depender de mim, não seria este regime', diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro disse neste sábado que "se tudo dependesse" dele, o país não viveria o regime que vive hoje. Em seguida, afirmou que, "apesar de tudo", representa a democracia no BrasiIl. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Governo autoriza dispensa de licitação para comprar vacinas russa e indiana

O Ministério da Saúde publicou dois extratos de dispensa de licitação para comprar as vacinas Sputnik V e Covaxin, desenvolvidas respectivamente por laboratórios russos e indianos. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Bispo mexicano diz que usar máscaras contra o coronavírus "é não confiar em Deus"

O bispo mexicano Antonio González Sánchez, durante missa transmitida pela internet, afirmou que usar máscaras de proteção contra o novo coronavírus “é não confiar em Deus”. O país ultrapassou nesta semana a marca de 2 milhões de casos de Covid-19 e é o terceiro no mundo com mais mortes (178 mil), atrás de Brasil e Estados Unidos. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Rússia anuncia 1º caso de transmissão da cepa H5N8 de gripe aviária ao ser humano

Autoridades russas afirmaram, neste sábado (20), que foi detectado o primeiro caso de transmissão da cepa H5N8 da gripe aviária para seres humanos e que já informaram a Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre esta "importante descoberta". LEIA A MATÉRIA COMPLETA

PT vê em empresária nome do "capital" para chapa presidencial para 2022

A empresária Luiza Trajano, de 69 anos, presidente do Conselho de Administração da Magazine Luiza, se consolidou como uma voz do meio empresarial com forte influência entre dois dos potenciais candidatos ao Palácio do Planalto em 2022: o apresentador de TV Luciano Huck e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB). Ao mesmo tempo, por ter um perfil considerado progressista que atrai partidos como PT e PSB, é vista por líderes petistas como o novo nome do "capital" que poderia compor uma chapa presidencial nos moldes da dobradinha eleita em 2002, entre Luiz Inácio Lula da Silva e José Alencar - que tentou ser repetida na eleição passada com o filho do empresário mineiro, Josué Gomes da Silva. LEIA A MATÉRIA COMPLETA