Notícias do dia - O que você precisa saber para começar a quinta

Empregado desinfecta shopping em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul (SILVIO AVILA/AFP via Getty Images)

Coronavírus: Brasil tem 13.149 mortes e 188.974 casos confirmados, três exames entregues por Bolsonaro deram negativo, ex-superintendente da PF no Rio diz que Flávio Bolsonaro é investigado, delegado foi sondado por Ramagem para assumir PF do Rio, São Paulo considera decretar lockdown, Ministério da Saúde pode ter nova troca de comando e controle do coronavírus pode levar 5 anos.

Confira o que você precisa saber para começar a quinta-feira, dia 14 de maio de 2020:

Coronavírus: Brasil tem 13.149 mortes e 188.974 casos confirmados, diz Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde atualizou para 13.149 o número de mortes em decorrência do novo coronavírus no Brasil nesta quarta-feira (13). Ao todo, também foram confirmados 188.974 casos da Covid-19 no país. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Três exames entregues por Bolsonaro deram negativo

Após longa novela, os três exames de detecção do novo coronavírus realizados pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foram divulgados e apresentaram resultados negativos. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Ex-superintendente da PF do Rio contradiz Bolsonaro e confirma que filho dele era investigado

Em depoimento prestado nesta quarta-feira, o ex-superintendente da Polícia Federal do Rio Carlos Henrique Oliveira confirmou aos investigadores que o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, era investigado em um inquérito em curso na Superintendência da Polícia Federal do Rio de Janeiro. Disse, porém, que nunca recebeu cobranças do presidente a respeito de investigações em andamento. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Delegado diz que foi sondado por Ramagem, a pedido de Bolsonaro, para assumir PF do Rio

O superintendente da Polícia Federal do Amazonas, Alexandre Saraiva, disse em depoimento nesta quarta-feira que foi sondado, no ano passado, para ocupar a superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro. A ligação foi feita, segundo ele, pelo diretor da Abin, Alexandre Ramagem, nome de confiança do presidente dentro do órgão. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Com UTIs perto do limite, São Paulo considera decretar lockdown

A situação da cidade de São Paulo no combate à pandemia do novo coronavírus se aproxima de um cenário de decretação de lockdown - o fechamento total das atividades comerciais -, segundo avaliação do próprio governo do estado. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Ministério da Saúde enfrenta crise política e pode ter nova troca de comando

Enquanto o Brasil já soma mais de 13 mil mortes por Covid-19 e vários estados veem seus sistemas de saúde entrarem em colapso, a crise política no Ministério da Saúde parece longe do fim. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Controle do coronavírus pode levar 5 anos, diz cientista-chefe da OMS

Ainda serão necessários quatro ou cinco anos até que o novo coronavírus esteja sob controle, disse nesta quarta (13) a cientista-chefe da OMS (Organização Mundial da Saúde), Soumya Swaminathan. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Número de mortes no Reino Unido pode ser quase o dobro do oficial

O número de pessoas que morreram por causa da covid-19 no Reino Unido é quase o dobro do número que é anunciado todos os dias. No dia 1º de maio, o número de mortes por coronavírus anunciadas pelo governo do Reino Unido era de pouco mais de 28 mil. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.