Notícias do dia - O que você precisa saber para começar a segunda-feira

Redação Notícias
·2 minuto de leitura
Cemitério Nossa Senhora Aparecida em Manaus, Amazonas (Foto: AP Photo/Edmar Barros)
Cemitério Nossa Senhora Aparecida em Manaus, Amazonas (Foto: AP Photo/Edmar Barros)

Média móvel de mortes por Covid-19 volta a passar de mil no Brasil; Prefeitura do RJ espera chegada de vacinas do Coronavac já na próxima semana; Nova variante do coronavírus é encontrada em viajantes brasileiros no Japão; Bolsonaro perde força nas redes sociais e registra saldo negativo no Twitter.

Confira o que você precisa saber para começar a segunda-feira, dia 11 de janeiro de 2020:

Média móvel de mortes por Covid-19 volta a passar de mil no Brasil, o que não acontecia desde 11 de agosto

O Brasil registrou neste domingo 483 mortes e 29.153 casos por Covid-19 nas últimas 24 horas. Com isso, já são 203.140 vidas foram perdidas para o novo coronavírus, além de 8.104.823 pessoas infectadas. Leia na íntegra

Prefeitura espera chegada de vacinas do Coronavac já na próxima semana

Após declararem que seguirão o calendário do Ministério da Saúde, assim descartando a compra direta de vacinas do Coronavac, o prefeito Eduardo Paes e o secretário de Saúde Daniel Soranz afirmaram que há expectativa para chegada de doses ao Rio já na próxima semana, vindas do Instituto Butantan. Leia na íntegra

Nova variante do coronavírus é encontrada em viajantes brasileiros no Japão

Uma nova variante do coronavírus foi detectada em quatro viajantes que chegaram do Estado brasileiro do Amazonas, disse o Ministério da Saúde do Japão neste domingo, no último sinal de avanço do vírus. Leia na íntegra

Bolsonaro perde força nas redes sociais e registra saldo negativo no Twitter

Jair Bolsonaro (sem partido) tem perdido força nas redes sociais, seu ambiente favorito para angariar potenciais eleitores, segundo levantamento de consultorias especializadas. No Twitter, registrou o quarto mês seguido com saldo negativo (perdeu mais seguidores do que ganhou). Em seus principais perfis, o número de interações também caiu. Leia na íntegra