Noiva de Zé Felipe, Virgínia Fonseca, não dará à luz nos Estados Unidos

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A influenciadora e youtuber Virgínia Fonseca, 21, está grávida de sete meses de sua primeira filha com o cantor Zé Felipe, 22, e fez uma brincadeira com os fãs ao alegar, em um vídeo publicado nesta quarta-feira (24), que Maria Alice não iria nascer no Brasil, mas sim nos Estados Unidos. "Eu sou americana. Eu nasci nos Estados Unidos, minha mãe é brasileira e meu pai é português. Os dois se conheceram nos EUA, engravidaram lá e me tiveram lá. Com três anos, eu voltei para o Brasil e eu nunca mais voltei, só para passear na Disney", começou Fonseca. "Estamos aqui em época de pandemia, todos em lockdown. Zé Felipe não está trabalhando, ninguém está trabalhando. Eu consigo [trabalhar], graças a Deus porque eu consigo fazer de casa", continua na gravação. "O que eu pensei: se a Maria Alice nascer aqui no Brasil, ela não vai ser americana, ela vai ter o passaporte, porque ela é minha filha... É algo assim, eu vou conseguir legalizar ela", disse. "Ela vai ter o passaporte brasileiro e o americano, como eu tenho". "Só que no meu caso, está escrito naturalidade: brasileira e americana. No da Maria Alice teria brasileira e é uma papelada e burocracia para conseguir legalizá-la, certo? Ela nascendo lá, ela é americana e pronto", continua ao sustentar a brincadeira. "Ela volta para o Brasil tira o passaporte e dá entrada no consulado brasileiro lá, como a minha mãe fez comigo". No final do vídeo, a youtuber afirmou que a decisão não passava de uma brincadeira e pediu para que ninguém revelasse nos comentários.