No Rock in Rio, Juliana Paiva reforça que não foi preterida por Jade Picon em 'Travessia'

***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO, RJ, 23.02.2020 - A atriz Juliana Paiva durante o Carnaval no Rio de Janeiro. (Foto: Marlene Bergamo/Folhapress)
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO, RJ, 23.02.2020 - A atriz Juliana Paiva durante o Carnaval no Rio de Janeiro. (Foto: Marlene Bergamo/Folhapress)

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Desde que surgiram as primeiras informações sobre "Travessia", o nome da atriz Juliana Paiva era um dos apontados para fazer parte do elenco da novela de Gloria Perez. Neste domingo (4), ela reforçou que nunca foi convidada para atuar na trama.

Chegou a ser veiculado que Juliana teria sido preterida por Jade Picon para o papel de Chiara na história dirigida por Mauro Mendonça Filho. "Não existiu isso. Não teve convite", afirmou ela, em um dos camarotes do Rock in Rio.

A contratação de Jade como atriz para a próxima novela das nove da Globo tem provocado polêmica no meio artístico.

O presidente do Sated-RJ (Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Estado do Rio de Janeiro), Hugo Gross, chegou a dizer ao F5 que, se fosse preciso entraria na Justiça, mas Jade não seria escalada sem ter o registro profissional da categoria, o DRT.

Posteriormente, a entidade concedeu à influenciadora uma autorização especial para que ela possa atuar na trama que vai substituir "Pantanal" a partir de outubro.

"Nós demos uma autorização especial. Uma permissão específica para que ela atuasse em determinado produto [novela] e com tempo da validade. Acabou o trabalho, acabou. Ela não terá direito ao registro profissional quando a trama terminar", comentou Hugo Gross.