No Limite: Fernando Fernandes promete edição mais dinâmica em lugar selvagem

·2 min de leitura
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, BRASIL 28.08.2019: Fernando Fernandes, na Casa Natura Musical. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, BRASIL 28.08.2019: Fernando Fernandes, na Casa Natura Musical. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ex-BBB e atleta paralímpico Fernando Fernandes, 40, afirmou, neste domingo (20), durante participação no programa Esporte Espetacular (Globo), que a nova edição do reality No Limite (Globo) será provavelmente o maior desafio de sua vida.

"Eu esperava por esse momento de me comunicar, por que sabia da importância disso, não só para mim, mas para todos os cadeirantes. Poder quebrar barreiras nessa nova etapa, como já fazia no esporte", afirmou ele, que é tetracampeão de paracanoagem.

Fernandes vai substituir André Marques, 42, que apresentou a última edição de No Limite no ano passado. Ele também afirmou que dessa vez serão apenas competidores anônimos e com perfil competitivo, ao contrário dos ex-BBBs que disputaram em 2021.

"Não tem amizade, nem um ajudando o outro, vai ser todo mundo lutando pelo prêmio", afirmou Fernandes, que prometeu um programa mais dinâmico, com dois episódios por semana, às terças e quintas, além da lavagem de roupa suja aos domingos, com Ana Clara.

O programa deve estrear no dia 3 de maio, após o término do Big Brother Brasil 22, e, segundo Fernandes, será gravado "em um lugar mais selvagem, no meio da natureza".

Fernandes participou da 2ª edição do BBB, seguiu carreira na moda e chegou a se profissionalizar no futebol. No ano de 2009, sofreu um acidente de carro que o deixou paraplégico. Ele é tetracampeão de paracanoagem, fez reportagens para o Esporte Espetacular e comentou as Paralimpíadas de Tóquio (2021) pelo canal SporTV.

O programa No Limite, inspirado no reality americano Survivor, estreou na Globo em 2000, sob o comando de Zeca Camargo, colunista da Folha, e que deixou a Globo em 2020 -ele trabalha atualmente na Band.

As três primeiras temporadas aconteceram entre os anos 2000 e 2001, e a quarta retornou em 2009, após um hiato de oito anos, com pessoas tentando sobreviver em um local inóspito, com poucos recursos. Os vencedores foram Elaine de Melo (1ª temporada), Léo Rassi (2ª temporada), Rodrigo Trigueiro (3ª temporada) e Luciana Araújo (4ª temporada).

Já no ano passado, o reality ganhou uma edição especial apenas com ex-BBBs e terminou com a consagração de Paula Amorim, que recebeu 66,77% dos votos do público, após chegar à semifinal da atração ao lado de André, Elana, Jéssica, Viegas e Zulu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos