Neto critica Bolsonaro por falar que Brasil é "país de maricas"

Redação Esportes
·1 minuto de leitura
Neto durante o programa Donos da Bola nesta quinta (Reprodução/TV Bandeirantes)
Neto durante o programa Donos da Bola nesta quinta (Reprodução/TV Bandeirantes)

Durante a edição desta quinta (12) do programa ‘Donos da Bola’, da TV Bandeirantes, o apresentador Neto interrompeu uma discussão sobre o jogo entre Flamengo e São Paulo para criticar Jair Bolsonaro (sem partido) após o presidente afirmar que o Brasil é um país de “maricas”.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

"Quando o presidente fala que somos um país de maricas, como você pode acreditar no povo? Como você pode acreditar que o povo é trabalhador, que estamos passado uma fase desgranhenta, as pessoas arrebentando para trabalhar.... Nós somos um povo de maricas?", afirmou o apresentador.

Leia também:

Na última terça (10), o presidente disse que o Brasil “tem que deixar de ser um país de maricas”, referindo-se ao enfrentamento e medo da Covid-19, doença causada pelo coronavírus.

Neto seguiu a crítica afirmando que o país está muito longe ter um país de “maricas”.

"Muito pelo contrário, até porque quem é homofóbico não sabe o que é ser gay, hétero, um país de racistas, que nós somos. Aí um presidente vem e fala isso. É mais ou menos igual ao futebol, favorece quem? Sempre os grandes", fechou Neto.

O ex-jogador não é o primeiro apresentador a criticar a declaração de Bolsonaro. Na quarta (11), Ana Maria Braga começou o programa ‘Mais Você’, da TV Globo, com a música “Alma Feminina”, de Daniela Mercury, e deu bom dia “ao país de maricas porque é um país de homens e mulheres guerreiros”.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos