Netflix disponibiliza US$ 100 milhões para ajudar atores e equipes com trabalhos suspensos commits $100 mn to help actors, crews thrown out of work

O fundo tem como objetivo ajudar a "comunidade criativa" com a maior parte do dinheiro destinada a financiar trabalhadores ligados às produções da plataforma em todo o mundo atingidos por causa da pandemia

A plataforma Netflix, gigante do streaming, anunciou nesta sexta-feira (20) que disponibilizará um fundo de US$ 100 milhões para ajudar atores e equipes de produção atingidos economicamente pela pandemia do novo coronavírus.

O fundo tem como objetivo ajudar a "comunidade criativa" com a maior parte do dinheiro destinada a financiar trabalhadores ligados às produções da plataforma em todo o mundo atingidos por causa da pandemia.

"Essas pessoas apoiaram o Netflix nos bons momentos, e nós queremos ajudá-los nesses tempos difíceis, principalmente quando os governos ainda estão tentando planejar qual tipo de suporte econômico poderão disponibilizar", disse o diretor de conteúdo, Ted Sarandos, em uma postagem online.

A Netflix está no processo de entender detalhadamente como o dinheiro do fundo será distribuído. A companhia do Vale do Silício, no entanto, já se comprometeu a manter os elencos e equipes de produções suspensas em seus pagamentos por um adicional de mais duas semanas.

"Quase todas as produções televisivas e cinematográficas interromperam suas produções globalmente, deixando centenas de milhares de pessoas sem trabalho", ressaltou Sarandos.

"Isso inclui eletricistas, carpinteiros, motoristas, cabeleireiros e maquiadores e mais. Muitos deles são pagos por horas de trabalho, com contratos que se renovam a cada novo trabalho", acrescentou o diretor de conteúdo.

Cerca de US$ 15 milhões do fundo será destinado para organizações e ONGs que estejam buscando ajudar esses profissionais da indústria cinematográfica, cujo trabalho foi atingido pela pandemia, em países que tenham uma grande quantidade de produções.

"O que está acontecendo é inédito", considera Sarandos.

"Nós somos tão fortes quanto as pessoas que trabalham conosco, e a Netflix se sente honrada em ajudar em um momento de grande impacto em nossa indústria nesse período desafiador", finalizou.