Neta de Elvis publica homenagem ao irmão encontrado morto

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A atriz Riley Keough, 31, neta de Elvis Presley (1935-1977), usou suas redes sociais neste sábado (18) para fazer uma homenagem ao irmão, Benjamin Keough, encontrado morto em sua casa nesta semana, aos 27 anos, supostamente em decorrência de um suicídio. Ela afirmou que ainda esquece que ele morreu. "As manhãs são as mais difíceis. Eu esqueço que você se foi. Não posso chorar por causa do medo de nunca parar. Uma dor que é nova para mim", afirma ela. "Não há palavras para você. Anjo é o mais próximo que eu pude pensar. Luz pura. Irmãozinho. Melhor amigo. Homem selvagem. Intelectual. Alma gêmea. Protetor." Assim como o avô e os pais, Lisa Marie Presley e Danny Keough, Benjamin era músico e foi encontrado morto em sua casa, em Calabasas, na Califórnia. De acordo com o comunicado de Roger Widynowski, representante da família, todos estão devastados. Ele, no entanto, não divulgou detalhes sobre a causa e a data da morte. Discreto em relação a sua vida pessoal, Benjamin Keough sempre foi muito comparado por se parecer fisicamente com o avô. Segundo o site americano TMZ, ele chegou a fechar um contrato de US$ 5 milhões (cerca de R$ 27 mi) com uma gravadora em 2009. Sua irmã Riley, que ficou conhecida por sua participação em "Mad Max - Estrada da Fúria" (2015), afirmou neste sábado que a morte dele deixou um buraco em seu coração. "Não acredito que você me deixou. Não você, doce Ben Ben. Todos, menos você. Acho que isso é o verdadeiro coração partido. Espero que nos encontremos novamente", disse ela, que tem ainda outros dois irmãos mais novos.