"Não sei porque minhas músicas não tocam na rádio", diz Duda Beat

·2 min de leitura
Reprodução/Instagram
Duda Beat afirma não saber o motivo de não ter suas músicas nas rádios (Foto: Reprodução/Instagram)

Atire a primeira pedra quem nunca ouviu "Bixinho" de Duda Beat. Embora a cantora e compositora já seja bem conhecida do grande público, existe um bloqueio no meio do caminho da pernambucana: suas músicas não tocam nas rádios.

É o que a própria afirmou em um papo descontraído com o ator e apresentador Otaviano Costa.

Apelo popular não é um problema. Além de ter seus hits na boca do povo, a já citada "Bixinho" fez parte da trilha-sonora da novela "Amor de Mãe", enquanto sua versão de "Deixa Eu Te Amar", do sambista Agepê, fez parte da trilha da novela "Bom Sucesso", ambas transmitidas pela TV Globo, o principal canal de televisão do país.

Não só isso, Duda também é presença constante em programas de TV de diversas emissoras e bate ponto nos principais festivais de música do país. Recentemente ela também iniciou a "Duda Beat On Tour", sua turnê própria com diversos shows em todo o Brasil e até mesmo datas na Europa.

"Me incomoda muito não tocar nas rádios do Rio, porque eu faço música brasileira e sinto que a rádio tem que ser formadora de opinião, é o seu papel", disse ela.

Ao ser questionada por Otaviano o motivo por não ter suas músicas tocadas nas rádios, ela afirma que não faz ideia e que gostaria muito de saber o porquê da barreira.

Na percepção de Duda, a música que ela faz tem elementos demais, o que poderia ser um motivo para explicar a resistência das rádios em tocá-las. "Me deixa muito triste, porque são elementos do Brasil", afirma a cantora.

Ainda sobre as inspirações que compõem o som que ela faz, Duda explicou de onde vêm os ritmos que fazem parte de sua discografia.

"De Recife, os ritmos: maracatu, coco, piseiro, forró, brega estão sempre presentes na minha música. A harmonia é muito do Rio, do samba, que os meus produtores, Tomás Tróia e Lux Ferreira, trazem. Eu trago o Nordeste, eles, o Rio de Janeiro", explica ela.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos