"Não existiria a artista Claudia Raia sem o Jô Soares", declara atriz

"Não existiria a artista Claudia Raia sem o Jô Soares", declara atriz no "É de Casa" (Foto: Globo/Ramón Vasconcellos)
"Não existiria a artista Claudia Raia sem o Jô Soares", declara atriz no "É de Casa" (Foto: Globo/Ramón Vasconcellos)

Ex-namorada de Jô Soares, morto na sexta-feira (5) aos 84 anos em um hospital de São Paulo, Claudia Raia participou do "É de Casa" na manhã deste sábado (6) e homenageou o artista. Na década de 1980, eles namoraram por um breve perído, mas a diferença de 30 anos de idade (Claudia tinha apenas 17 anos), acabou dificultando o relacionamento.

"É muito difícil pra mim falar do Jô no passado. Pra mim, ele sempre será um grande diretor, um grande ator. Uma versatilidade ímpar. Um grande autor, um grande escritor, um grande pensador. O Brasil perde um de seus maiores gênios. Que perda", declarou a atriz.

"Eu, pessoalmente, tive a sorte de viver não só um dos maiores da minha vida, como de ter trabalho com ele, de ter aprendido tudo o que eu sei de comédia com ele. Não só isso, como viu na minha perna uma pinta, que era uma melanoma cancerígeno. Depois de tudo isso, ainda salvou a minha vida", continuou Claudia. "Mudou o meu nome de Maria Claudia Raia para Claudia Raia, então não existiria a artista Claudia Raia sem o Jô Soares. Eu devo tudo a ele. Minha carreira inteira."

"Muito, muito obrigada, Jô, pela sua existência. Obrigada pelo que você é para o nosso país, a referência que você sempre foi e continuará sendo. E eu tenho certeza que você continuará brilhando onde estiver, porque você sempre foi e continuará sendo essa estrela brilhante que nos ilumina", concluiu a artista.

Nascido no Rio de Janeiro em 1938, Jô começou a carreira na Globo - onde passaria a maior parte de seus anos - em 1970, como protagonista do programa "Faça Humor, Não Faça Guerra". Antes, já havia passado pelos canais Continental, Rio, Tupi, Excelsior e Record. Depois, esteve no SBT e voltou para a Globo, onde ficou até 2016. Nesse meio tempo, também trabalhou como ator, diretor, dramaturgo, escritor e acabou se solidificando como um dos maiores entrevistadores do Brasil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos