Namorado de filha de Whitney Houston é encontrado morto

Agência


O namorado de Bobbi Kristina Brown, filha única de Whitney Houston, foi encontrado morto aos 30 anos de idade, informou o advogado dele nesta quarta-feira, 1º. Nick Gordon foi considerado responsável pela morte da companheira quando ela tinha 22 anos.

Joe Habachy, representante de Gordon, recusou-se a explicar as circunstâncias da morte de seu cliente.

"É realmente desolador ter testemunhado em primeira mão a devastação total que o vício em drogas causou entre um grupo de jovens amigos, todos amados e com imenso potencial", disse o advogado em um e-mail.

"Apesar de todas as provações que Nick enfrentou nos últimos anos, posso dizer honestamente que ele trabalhou duro para manter a cabeça erguida e ficar sóbrio, e que ele sinceramente queria acima de tudo uma vida feliz e saudável com sua família", acrescentou.

Bobbi Kristina Brown morreu em julho de 2015 depois de ingerir um "coquetel tóxico" administrado pelo namorado e que a deixou inconsciente. Gordon, então, mergulhou a cabeça dela em uma banheira de água fria, o que lhe causou danos cerebrais.

Na ocasião, os médicos legistas não se pronunciaram sobre a natureza acidental, ou intencional, da morte. A necropsia determinou que a jovem havia consumido álcool, morfina, cocaína e maconha antes de morrer.

Em novembro de 2016, um juiz civil americano condenou Nick Gordon a pagar US$ 36 milhões em indenização aos gerentes da herança dela. De acordo com a denúncia apresentada, Gordon gritou com Kristina durante um ataque de ciúmes na noite de sua morte, depois de sair "a noite toda e não parar de cheirar cocaína e beber álcool".

A morte de Bobbi Kristina foi uma repetição do trágico falecimento da mãe Whitney Houston, encontrada morta na banheira de um quarto de hotel em Beverly Hills em 2012.