Musical há mais tempo em cartaz na Broadway, “Fantasma da Ópera” será encerrado

Por Danielle Broadway

(Reuters) - “O Fantasma da Ópera”, musical há mais tempo em cartaz na Broadway, será encerrado em 18 de fevereiro de 2023, devido a uma queda brusca na venda de ingressos, mesmo depois da reabertura dos teatros de Nova York após o lockdown da pandemia.

“O Fantasma” é um marco no mundo da Broadway, com mais de 70 prêmios e 13.733 performances desde que estreou em 1988. Apesar do seu legado, o New York Post publicou que o show está perdendo um milhão de dólares por mês.

Fãs lamentaram a notícia nas redes sociais, refletindo sobre o que o musical significou para atores e público. Em janeiro, a peça escalou Emilie Kouatchou como a primeira atriz negra norte-americana a fazer o papel principal de Christine. A decisão quebrou barreiras raciais e fez história na Broadway, mas suas performances terão vida curta.

O musical celebrará seu 35º aniversário em janeiro, com uma apresentação final na Broadway em 18 de fevereiro.

“O Fantasma da Ópera” de Andrew Lloyd Webber é baseado no romance clássico de Gaston Leroux e foi originalmente dirigido por Harold Prince. Lendas da Broadway, como Michael Crawford, que foi o primeiro a representar o Fantasma, Sarah Brightman, Judy Kaye e outros fizeram papéis principais no show.

“O Fantasma” conta a história do século 19 da aspirante a cantora de ópera Christine Daae, que é treinada pelo misterioso Fantasma a aprimorar suas habilidades vocais. No entanto, as coisas tomam um rumo sombrio quando o Fantasma escolhe Christine como sua musa, e ela se apaixona por um benfeitor das artes chamado Raoul.