Conheça as 5 mulheres mais influentes do mundo dos negócios

Ana Botín ocupa a primeira colocação da lista (Foto por: Oscar Gonzalez/NurPhoto via Getty Images)


Anualmente, a Fortune – prestigiada revista norte-americana de negócios – faz um grande levantamento nos Estados Unidos e no mundo para avaliar quem são os executivos mais poderosos nos negócios. Recentemente, a Fortune divulgou suas listas de “Most Powerful Women International” e “Most Powerful Women”, sendo que a primeira reúne as grandes executivas de todo mundo e a segunda, só as norte-americanas. Conheça quem são as 5 mulheres mais influentes e poderosas dos negócios mundo afora:

SIGA O YAHOO FINANÇAS NO INSTAGRAM

1ª – Ana Botín

A espanhola assumiu a empresa após a morte de seu pai (Foto por: Oscar Gonzalez/NurPhoto via Getty Images)

A espanhola Ana Botín, presidente do banco Santander, voltou ao topo do ranking internacional anual da Fortune. O gigantesco grupo bancário internacional teve uma receita no valor de US$ 90,5 bilhões no último ano. Esse crescimento foi impulsionado em grande parte pelos mercados latino-americanos do Santander (Brasil e México, principalmente) e apoiado pelo corte de custos na Europa. O Santander pode ter sido o banco que seu pai construiu, mas Ana Botín provou ser uma líder mais que capacitada para o cargo nos últimos cinco anos.

Leia também

2ª – Emma Walmsley

Emma Walmsley assumiu o cargo em 2017 (Foto por: Carl Court/Getty Images)

Na segunda colocação, está a britânica CEO do grupo farmacêutico GlaxoSmithKline, Emma Walmsley. Ela é uma das poucas CEOs femininas em um setor famoso por ser bem masculino. E Walmsley tem deixado sua marca no universo farmacêutico, transformando a principal estratégia de negócios da GlaxoSmithKline, gigante britânica dos remédios que tem mais de US$ 100 bilhões em valor de mercado, desde que assumiu o cargo.

3ª – Dong Mingzhu

A chinesa ocupa a terceira posição no ranking (Foto por: Visual China Group via Getty Images)

A presidente do fabricante de eletrodomésticos chinês Gree Electric Appliances, Dong Mingzhu, completa o pódio da revista Fortune. Dong, é uma líder empresarial reverenciada na China, já que comanda um gigante industrial com mãos de ferro. No ano passado, Dong investiu em semicondutores para que a Gree pudesse se afastar de sua dependência de fornecedores dos EUA.

4ª – Jessica Tan

Jessica Tan é graduada pelo MIT (Foto por: Jonathan Wong/South China Morning Post via Getty Images)

A também chinesa Jessica Tan é Co-CEO da Ping An Group – uma empresa de tecnologia de dados. Tan é graduada em Engenharia Elétrica pelo MIT e conheceu Ping An enquanto trabalhava na McKinsey, em Cingapura. Agora, Tan ocupa o cargo de co-CEO da empresa de US$ 164 bilhões.

5ª – Isabelle Kocher

Isabelle Kocher tem implantou energias ecológicas (REUTERS/Gonzalo Fuentes)

A francesa Isabelle tem vários títulos em Física e é CEO da gigante francesa de energia, a Engie. Ela é a única mulher no CAC 40, índice das 40 principais empresas da França por capitalização de mercado. Desde começou a presidir a Engir, em 2016, Isabelle pressionou a empresa a reduzir sua dependência de combustíveis fósseis em favor de energia renovável.

Brasileira na lista

A lista tem pela primeira vez a presença da brasileira Andrea Marques de Almeida, Diretora-Executiva Financeira da Petrobras, que ocupa a 49ª posição no ranking. Esta lista internacional não inclui mulheres de negócios que estejam baseadas nos Estados Unidos.

Pelo ranking norte-americano, no topo da lista pelo segundo ano consecutivo, está o CEO da Lockheed Martin, Marillyn Hewson. Em segundo lugar está Mary Barra, que é CEO da GM nos Estados Unidos e, em terceiro, Abigail Johnson Barra, CEO da Fidelity Investments.