Mulher do goleiro Bruno revolta web com vaquinha para assassino de Eliza Samúdio pagar pensão do filho

Reprodução, Instagram
Reprodução, Instagram

Ingrid Calheiros, esposa do goleiro Bruno, assassino de Eliza Samúdio, fez uma vaquinha nas redes sociais para ajudar o marido. A ideia seria arrecadar R$ 90 mil para pagar a pensão de Bruninho e evitar que o jogador seja preso novamente.

Em apenas dois dias de vaquinha, Ingrid já arrecadou R$18 mil e 180 apoiadores. Bruno cumpre pena de regime semiaberto domiciliar desde 2019. O goleiro foi condenado por assassinato e ocultação de cadáver de Eliza, além de sequestro e cárcere privado do filho Bruninho.

+ Bruno Krupp é preso em hospital por morte de adolescente de 16 anos.

"Passando para atualizar do que vem acontecendo. Na semana passada nós fomos intimados a pagar a pensão de R$ 90 mil, sendo que nós tentamos acordo, tentamos plano de pagamento, um parcelamento e nada foi aceito. Lembrando que o Bruno é obrigado a pagar pensão, mas é impedido de trabalhar. Ninguém acredita que ele não tenha mais dinheiro", disse Ingrid no vídeo.

+ Ex-'Power Rangers' condenada à morte: crime e transição de gênero em prisão agitam imprensa internacional.

Web se revolta com arrecadação para goleiro Bruno

A notícia sobre a arrecadação viralizou na web. O público se revoltou com o dinheiro que já foi doado. O perfil do Instagram "Gossip do Dia" compartilhou a notícia e recebeu dezenas de comentários com as pessoas revoltadas com a situação.

+ Gloria Perez assume medo de...

Veja mais


Veja também

André Gonçalves, após noite preso, afirma não ter dinheiro para pagar dívida de pensão de R$ 350 mil
André Gonçalves é preso por processo das filhas e sai da cadeia com tornozeleira. Detalhes!
Nelson Piquet tem fala racista ao se referir a Lewis Hamilton e revolta web. Entenda!