Mulher abandona a depilação e assume os pelos faciais: "Tudo bem ser diferente"

·2 minuto de leitura
Klyde Warren decidiu assumir os pelos faciais. Foto: Caters News
Klyde Warren decidiu assumir os pelos faciais. Foto: Caters News

Uma mulher que se recusa a depilar o rosto está vivendo a vida apesar de ouvir absurdos de estranhos há anos. Klyde Warren, de 27 anos, diz que os pelos faciais são sua marca registrada e não deixa os comentários cruéis de estranhos abalarem sua confiança.

Klyde Warren decidiu assumir os pelos faciais. Foto: Caters News
Klyde Warren decidiu assumir os pelos faciais. Foto: Caters News

A escritora de Nebraska, EUA, diz que é zoada em aplicativos de namoro por causa dos pelos, mas está determinada a encontrar um parceiro que goste dela do jeito que é. "Muitas pessoas acessam meu perfil no Tinder e enviam mensagens dizendo que sou nojenta e asquerosa", disse ela.

Leia também

"Isso me incomoda na hora, ninguém gosta de ouvir comentários desse tipo, mas sou bastante confiante. Algumas pessoas que saem comigo dão importância demais a isso, mas meu último namorado me apoiou muito e amou minha barba de uma forma saudável".

Klyde começou a notar pelos faciais espessos aos 15 anos e logo decidiu deixar a natureza seguir seu curso, abandonando a depilação.

"Começou na escola, eu tinha um bigode mais grosso do que o normal. Mas decidi assumir meus pelos logo de cara", conta ela. "Minha mãe não gostou nem um pouco e pediu para eu dar um jeito, mas não me importei e me recusei a raspar".

Klyde Warren decidiu assumir os pelos faciais. Foto: Caters News
Klyde Warren decidiu assumir os pelos faciais. Foto: Caters News

Ela disse que a barba é fácil de manter e só precisa ser aparada de vez em quando e lavada uma vez por dia.

"Só preciso ser confiante, não há problema em ser um pouco diferente", disse ela.

"Muitas pessoas têm vergonha do próprio corpo. Sei que pode ser difícil, mas elas precisam aprender a se sentir à vontade na própria pele. O universo queria que eu fosse assim, então confio nele".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos