Mulher adota rotina saudável e perde 75 quilos por um motivo especial: “Quero ser mãe”

Weight-Loss Wins é uma série original do Yahoo que compartilha histórias inspiradoras de pessoas que perderam peso de maneira saudável.

Eden SanBoeuf tem 29 anos, 1,65 metro de altura e atualmente pesa 63 quilos. Em 2015, depois que soube que seu sonho de se tornar mãe estava ameaçado pelo seu peso, ela decidiu adotar um estilo de vida mais saudável pelo bem da sua família. Esta é a sua história de emagrecimento.

Eden decidiu fazer uma mudança quando seu sonho de se tornar mãe foi ameaçado pelo seu peso. (Fotos: Cortesia de Eden SanBoeuf)

O ponto de virada

Estive acima do peso durante toda a minha vida. Eu era ridicularizada quando era criança e consultei inúmeros nutricionistas. Meu peso flutuava por causa das dietas ioiô.

No meio de 2014 decidi que precisava mudar. Eu tinha 25 anos e estava com problemas de saúde. Eu estava tão fora de forma que até tarefas normais eram exaustivas. Eu sabia que queria ter filhos e que, do jeito que eu estava, isso não seria possível. Casei-me em novembro de 2014 com o peso máximo que já alcancei, por volta de 138 quilos. Meu casamento foi incrível, mas as fotos só reforçaram a percepção de que eu precisava fazer uma mudança na minha vida. Eu finalmente havia me cansado de conviver com o sobrepeso, o vício em comida e o uso da mesma como um mecanismo de regulação emocional.

Eden se apaixonou por fazer trilhas em meio à natureza. (Foto: Cortesia de Eden SanBoeuf)

As mudanças

Comecei no dia 1º de janeiro de 2015, como parte da minha resolução de Ano Novo. Eu baixei o aplicativo MyFitnessPal para monitorar a minha ingestão calórica e comecei a comer de forma muito mais saudável. Eu comia carnes magras, frutas e vegetais, grãos saudáveis e laticínios, controlava minhas porções e fazia refeições moderadas. Quando eu queria tomar sorvete ou comer algo menos saudável, eu abria uma exceção esporadicamente. Eu me permitia comer alimentos que adorava, mesmo aqueles que não eram saudáveis, porque sabia que aquele era o meu novo estilo de vida, e não uma dieta temporária. Eu queria conseguir mantê-la a longo prazo. E havia me decidido a mudar. Eu estava pronta.

Quando eu comecei, me exercitava três vezes por semana usando uma bicicleta ergométrica, fazendo caminhadas e participando de aulas de Zumba. Também comecei a ser mais ativa nos finais de semana e descobri um novo hobby: as trilhas na natureza. Conforme o meu peso diminuía, eu aumentava a intensidade dos meus treinos. Encontrei o Fitness Blender no Youtube. Eu adorava os exercícios e comecei com os vídeos mais fáceis. Agora, consigo fazer os mais difíceis.

Eu me mantive motivada pois sabia qual era o meu objetivo. Eu queria ser mãe; eu queria ser mais feliz e mais saudável, e queria ser uma boa esposa. Para que tudo isso acontecesse, era preciso cuidar de mima mesma primeiro. Eu não podia desistir.

No primeiro ano, Eden perdeu mais de 45 quilos. (Foto: Cortesia de Eden SanBoeuf)

O depois

No primeiro ano, perdi mais de 45 quilos. Foi então que engravidei, em novembro de 2016. Fiquei muito feliz! Passei toda a minha vida desejando aquilo, e estava trabalhando por aquele objetivo. Eu tinha que continuar comendo bem e cuidando de mim, mas também tinha que me assegurar de que teria uma gravidez saudável. Infelizmente, nós perdemos o nosso primeiro filho, Wyatt, em 26 de janeiro de 2016, por causa de um defeito no tubo neural conhecido como anencefalia. Fiquei arrasada. Eu sabia que poderia facilmente voltar aos meus hábitos antigos e ganhar o peso novamente. Em vez disso, escolhi usar o ocorrido como um impulso para continuar minha mudança. Eu trabalhei a minha mente para focar no positivo. É claro que eu queria que Wyatt estivesse aqui conosco, mas escolhi manter a memória dele viva e usá-la para a positividade.

Continuei minha jornada saudável e, em maio de 2016, engravidei novamente do nosso “rainbow baby” (traduzido com “bebê arco-íris”, uma expressão usada para um bebê que nasce após um aborto espontâneo anterior). Em 3 de fevereiro de 2017, nosso segundo filho, Joey, nasceu. Esta gestação foi cheia de emoções e preocupações para mim. Engordei cerca de 27 quilos, que tive que perder novamente, mas escolhi não desistir e continuar me esforçando.

Hoje, peso 63 quilos e continuo a trabalhar em mim mesma. Eu tenho novos objetivos. Meu foco atual não é o emagrecimento, e sim ser a melhor versão de mim mesma, tanto física quanto mentalmente. Depois de perder todo esse peso, eu me sinto fantástica. É surreal ver quão longe consegui chegar. Às vezes eu tenho que me lembrar de quanto trabalhei duro. Perder esta quantidade de peso é algo muito emocionante. Você basicamente se torna uma nova pessoa. Estou muito orgulhosa do que conquistei, e mentalmente sou uma pessoa muito mais positiva e feliz. Eu escolho viver desta forma e manter o foco no que é bom. Fisicamente, eu tenho um novo corpo, e consigo fazer coisas que nunca imaginei serem possíveis.

Acho que o que mais me surpreendeu foi o quanto eu aproveito a minha vida agora. Tarefas pequenas como ir ao mercado não são mais difíceis, e isso é maravilhoso. Eu também me surpreendi com o quanto gosto de me exercitar, pois atividade física não era o meu forte. Agora eu adoro!

A manutenção

Eu como da mesma forma que comia quando estava emagrecendo – saudável na maior parte do tempo, mas aplico a moderação quando quero comer biscoitos ou alguma outra coisa. Ainda monitoro a minha ingestão porque isso me ajuda, mas agora controlo para garantir que estou ingerindo uma quantidade suficiente de nutrientes. Faço exercícios entre 5 e 6 vezes por dia, e meus treinos são muito mais intensos. Eu incorporei a musculação e os treinos intervalados de alta intensidade. Eu adoro aquela sensação depois de malhar! É uma das partes preferidas do meu dia.

Eu planejo o meu dia a dia. Mantenho alimentos saudáveis em casa. Eu carrego lanchinhos saudáveis comigo, e penso positivamente para lidar com o estresse, em vez de comer as minhas emoções. Continuo fazendo exercícios – mesmo quando não tenho vontade – porque isso se transformou em um hábito. Eu sei que me faz bem, e nunca me arrependo quando o treino acaba.

O que me inspira hoje é o quão longe eu cheguei. Sei que este é o meu estilo de vida agora, e quero continuar em frente. Eu me mantenho motivada porque amo a minha vida. A minha família precisa que eu cuide de mim mesma para que eu possa cuidar deles. E também me motivo ajudando os outros. Adoro compartilhar a minha história para mostrar o que é possível alcançar. Até criei uma página no Facebook chamada Getting Healthy with Eden para compartilhar a minha história e inspirar outras pessoas.

Eden aplica o pensamento positivo em sua vida para lidar com o estresse em vez de “comer as emoções”. (Fotos: Cortesia de Eden SanBoeuf)

Os desafios

Serei sempre amante de doces. Esta é uma parte de mim. Então, em vez de comer um pacote inteiro de biscoitos, prefiro tratá-los como uma exceção e manter opções mais saudáveis em casa (nada que possa despertar a minha compulsão alimentar). Eu também estou aprendendo a aceitar a minha nova versão. Passei a maior parte da minha vida acima do peso, então não ser mais aquela pessoa ainda é algo novo para mim.

Seu melhor conselho para pessoas que queiram perder peso é “encontre o seu porquê”. (Foto: Cortesia de Eden SanBoeuf)

Conselho

Meu melhor conselho é estar pronto e encontrar o seu porquê. Por que você está fazendo isso? Você está pronto para se esforçar e fazer mudanças? Seja paciente. Você não ganhou peso rapidamente, e também vai demorar para perdê-lo. Acima de tudo, saiba que você é capaz de fazer isso. Eu consegui, e não sou diferente de você. Sou uma pessoa normal que tinha sonhos e objetivos. Eu sabia que conseguiria alcançá-los, e você também vai conseguir!

Andie Mitchell