Coronavírus: mulher acorda de coma e descobre que deu à luz

Uma mulher acordou de um coma induzido devido à infecção por coronavírus e descobriu que havia dado à luz uma menina. Foto: Instagram/Angela Primachenko

Uma mulher que foi colocada em coma induzido quando estava grávida de 33 semanas acordou e descobriu que deu à luz uma menina.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Angela Primachenko, de Washington, começou a exibir os sintomas da COVID-19, como febre e dores no corpo, no dia 24 de março.

Angela deu à luz Ava enquanto estava em coma. Foto: Instagram/Angela Primachenko

Em 1º de abril os médicos decidiram colocá-la em coma induzido e fizeram o parto para proteger Angela, de 27 anos, e sua bebê.

Leia também

“Eu sinto que sou um milagre ambulante,”avisou Angela, que também é mãe de Emily, de 11 meses, ao programa US Today. “Obviamente ninguém esperava que eu fosse ficar tão doente, então eu absolutamente não esperava que minha filha fosse nascer agora,” disse ela. “Depois de todos os medicamentos e tratamentos, eu acordei e, de repente, não tinha mais a minha barriga. Quase enlouqueci”.

Angela recebeu alta do hospital  na semana passada, mas ainda não pôde segurar sua bebê nos braços. Foto: Instagram/Angela Primachenko

Angela recebeu alta do hospital na semana passada e foi aplaudida pelos profissionais de saúde no corredor, mas ainda não pôde segurar sua linda Ava, que está na UTI.“Ava ainda está na UTI neonatal e eu ainda não pude vê-la, mas sou muito grata às incríveis enfermeiras que me enviam fotos atualizadas!!!” escreveu Angela no Instagram.

Angela contou que precisa testar negativo para o coronavírus duas vezes antes de poder segurar a filha, que testou negativo para COVID-19.Uma página criada para Angela no GoFundMe conseguiu arrecadar quase 50 mil dólares para a família.

“As contas do hospital são uma loucura, e Angela e David são donos de um pequeno negócio, portanto o seguro não cobre a maior parte das despesas,” diz a página.

“Estou rezando para que Angela e David não precisem se preocupar com isso. Qualquer ajuda é extremamente bem-vinda, e se não conseguirmos entrar em contato diretamente para agradecer, rezaremos para que as bênçãos de Deus cheguem a você e à sua família”.

Sarah Carty

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário