Mostra Internacional de Cinema abre programa de patrono após mudanças na Rouanet

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Mostra Internacional de Cinema de São Paulo vai lançar o programa Patronos da Mostra para viabilizar a próxima edição do evento, prevista para ocorrer em outubro deste ano.

A ação foi sugerida pelo grupo Amigos da Mostra à diretora Renata de Almeida. O evento perdeu dois patrocínios neste ano devido às mudanças anunciadas pelo governo de Jair Bolsonaro (PL) para a Lei Rouanet.

Alterações como a limitação de cachê a R$ 3.000 --uma diminuição de mais de 93% em relação ao que era permitido-- impossibilitou que a mostra de cinema conseguisse pleitar o fomento.

O programa de patrono vai oferecer cotas desde R$ 2.000 até R$ 15 mil. As informações serão disponibilizados no site da mostra.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos