Morre Paul Vecchiali, diretor de 'Uma Vez Mais' e produtor de 'Jeanne Dielman', aos 92

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O cineasta francês Paul Vecchiali morreu aos 92 anos, anunciou a revista cultural francesa Les Inrockuptibles nesta quarta-feira (18). Conhecido pelos filmes "No Alto das Escadas", de 1983, e "Uma Vez Mais", de 1988, ele teve como pares expoentes da nouvelle vague, como Jean-Luc Godard, Agnès Varda e Jacques Demy.

Apesar de pertencer ao movimento e ser admirado por seus maiores expoentes, ele nunca conquistou o mesmo reconhecimento. Em parte, por causa de seu cinema mais transgressor e experimental, distante do público.

Vecchiali também fez fama como colaborador da Cahiers du Cinéma, a mais tradicional e conceituada publicação especializada em cinema do mundo. Como produtor, esteve por trás de "Jeanne Dielman", longa de Chantal Akerman eleito no mês passado como o melhor filme de todos os tempos, pela Sight & Sound.

Nascido na Córsega, ilha mediterrânea pertencente à França, Vecchiali fez carreira em Paris.