Morre o pianista e compositor de jazz francês Claude Bolling

·1 minuto de leitura
O pianista francês Claude Bolling em um concerto de jazz de 1966 em Alfortville, sudeste de Paris

O pianista de jazz e maestro francês Claude Bolling, que compôs a trilha sonora de filmes como "Lucky Lucke" e "Borsalino", morreu aos 90 anos, anunciou sua assessoria à AFP na quarta-feira (30).

Bolling, que sofria de várias doenças, morreu terça-feira no hospital Saint-Cloud, a oeste de Paris.

Nascido em Cannes, em 10 de abril de 1930, deixou Paris durante a ocupação nazista para se estabelecer em Nice (sudeste)

Bolling foi ensinado por Duke Ellington, um famoso compositor de jazz americano, e criou uma "big band" de jazz em 1956 que continuou a tocar até meados da década de 2010, representando uma carreira particularmente longa.

Foi considerado na França uma referência no mundo do jazz e em sua banda tocaram músicos renomados como Claude Tissendier.

Além disso, compôs a trilha sonora de filmes como o francês "Borsalino" de Alain Delon e Jean-Paul Belmondo e "Lucky Lucke".

Por intermediação de Boris Vian, nos anos 1950 conheceu estrelas como Brigitte Bardot, Juliette Gréco e Henri Salvador, para quem compôs canções.

Bolling "nos deixou levando com ele minha juventude e 60 anos de amizade fiel e uma vida feliz, canções alegres e uma cumplicidade despreocupada", Brigitte Bardot reagiu em um comunicado transmitido à AFP.

ram-jfg/rh/eb/pc/ap