Morre Nina Horta, colunista de gastronomia da Folha, aos 80 anos

*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 21.10.2015: A colunista da Folha Nina Horta em sua casa em São Paulo.(Foto: Raquel Cunha/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A colunista da Folha de S. Paulo Nina Horta morreu na noite deste domingo (6), aos 80 anos, em São Paulo, em decorrência de uma infecção generalizada.

Nascida em Minas Gerais, estudou na Faculdade de Educação da USP. Nina escrevia sobre gastronomia no jornal desde 1987.

Escritora e empresária, ganhou o prêmio Jabuti de Gastronomia em 2016 com o livro " O Frango Ensopado da Minha Mãe" (Companhia das Letras), que reúne algumas de suas crônicas.

"Não É Sopa", sua primeira coletânea de crônicas, foi lançada em 1995.

Viúva, Nina deixa três filhos, três netos e um bisneto. O velório acontece na manhã desta segunda (7) e o enterro, às 11h, no Cemitério do Morumbi.