Morre homem atacado por pitbulls em Araruama, na Região dos Lagos

Arthur Leal
·1 minuto de leitura

RIO — Morreu, na noite desta sexta-feira, uma das vítimas de um ataque de pitbulls numa área rural de Araruama, na Região dos Lagos. Feliphe Alves Vieira estava internado desde o dia 16 de fevereiro no Hospital Estadual Alberto Torres, em São Gonçalo, e vinha apresentando quadro de saúde estável, mas acabou não resistindo aos ferimentos. A unidade não informou a causa da morte.

Além de Feliphe, seu filho e um sobrinho, que estavam com ele, também foram vítimas dos cães, sofreram ferimentos graves e foram levados a hospitais. Os meninos, mesmo já com ferimentos, correram da casa até as proximidades da Autoestrada Via-Lagos, onde conseguiram pedir ajuda a policiais militares do Choque, que passavam pelo local, em direção a Cabo Frio, onde fariam uma ação de ordenamento por conta do carnaval. Os PMs contaram que precisaram matar os animais para que o ataque parassse.

Ao contrário do que chegou a ser dito por testemunhas à polícia num primeiro momento, já se sabe que as três vítimas estavam dentro da casa onde os animais viviam. Isso porque Feliphe, até onde já se sabe, era frequentemente contratado para tomar conta dos cães e, inclusive, já teria aplicado vacinas neles em outras oportunidades — não era figura estranha para os cachorros. Em depoimento, na semana do ataque, o dono dos pitbulls confirmou a versão de que havia de fato o contratado para o serviço.

Uma das crianças segue internada. A outra já deixou o hospital e foi ouvida na 118ª DP (Araruama).