Como viral no TikTok tornou Fleetwood Mac um fenômeno na pandemia?

Christine McVie, da banda Fleetwood Mac, se apresentando no Madison Square Garden em março de 2019 em Nova York. (Foto: Kevin Mazur/Getty Images)
Christine McVie, da banda Fleetwood Mac, se apresentando no Madison Square Garden em março de 2019 em Nova York. (Foto: Kevin Mazur/Getty Images)

Morreu, nesta quarta-feira (30), aos 79 anos, a cantora Christine McVie, tecladista e vocalista do Fleetwood Mac. Sucesso na década de 1970, a banda inglesa retornou ao top 10 da Billboard durante o primeiro ano da pandemia de Covid-19 e deu início a um fenômeno espontâneo do TikTok que perpetua até hoje: tornar hits de décadas passadas novamente populares.

Mike Campbell, John McVie, Stevie Nicks, Christine McVie e Mick Fleetwood, do Fleetwood Mac, Rock & Roll Hall Of Fame Induction Ceremony em Barclays Center em março de 2019 em Nova York. (Foto: Angela Weiss/AFP via Getty Images)
Mike Campbell, John McVie, Stevie Nicks, Christine McVie e Mick Fleetwood, do Fleetwood Mac, Rock & Roll Hall Of Fame Induction Ceremony em Barclays Center em março de 2019 em Nova York. (Foto: Angela Weiss/AFP via Getty Images)

Em 2020, Nathan Apodaca viralizou ao publicar um vídeo na rede social em que aparece andando de skate pelas ruas de sua cidade, tomando suco, ouvindo e cantando “Dreams”, faixa que integra o disco “Rumours”, lançado pela banda em 1977.

@420doggface208 22secs of Vibes 1yr ago today thx you all for what has come from this video the love,support,smiles,strength it brought out in others #thanks #tiktok ♬ Dreams (2004 Remaster) - Fleetwood Mac

O vídeo se popularizou tão intensamente na plataforma de vídeos que o disco chegou ao top 10 pela primeira vez desde 1978. Além de “Dreams”, o álbum ainda conta com o maior sucesso da banda, a faixa “The Chain”. O que surpreendeu antigos admiradores do grupo é que o Fleetwood Mac fez um trabalho consagrado e seus hits fizeram parte de diversas trilhas sonoras de filmes, séries e novelas, mas nenhuma delas tinha tido um impacto tão grande nos charts como o viral do TikTok.

O vídeo do rapaz no YouTube teve mais de 5 milhões de visualizações, a música "Dreams" atingiu a 21ª posição da Hot 100 da Billboard e o sabor de framboesa e cranberry da marca Ocean Spray, que Nathan bebe na gravação, chegou a esgotar nos mercados dos Estados Unidos.

Morte de Christine McVie

A morte da cantora foi confirmada pela família dela, em nota, mas não há informação sobre a causa. "É com o coração pesado que informamos sobre a morte de Christine. Ela morreu pacificamente no hospital na manhã desta quarta-feira, após uma curta doença. Ela estava na companhia de sua família", diz o comunicado.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Através das redes sociais, a banda Fleetwood Mac lamentou a perda da integrante: “Não há palavras para descrever nossa tristeza pela morte de Christine McVie. Ela era verdadeiramente única, especial e talentosa além da conta. Ela era a melhor musicista que alguém poderia ter em sua banda e a melhor amiga que alguém poderia ter em sua vida. Tivemos muita sorte de ter uma vida com ela. Individualmente e juntos, estimamos profundamente Christine e somos gratos pelas memórias incríveis que temos. Ela fará muita falta."

Christine foi autora por diversos sucessos do início da carreira do grupo, como "Over My Head" e "Say You Love Me". Ela também assina as composições de “Don’t Stop” e “You Make Loving Fun", que integram o disco "Rumors", lançado em 1977.

A britânica fez parte do Fleetwood Mac entre os anos de 1970 e 1988, retornando em 2014 e permanecendo até sua morte. Além disso, a cantora também lançou três discos solo.

Christine também foi casada com John McVie, baixista do Fleetwood Mac, entre os anos de 1968 e 1976. O álbum "Rumours" chegou para marcar as duas separações do grupo: de Christine e John e também entre Lindsey Buckingham e Stevie Nicks. Ela também foi casada com Eddy Quintela, de 1986 a 2003.