Morre Arno Hintjens, astro da música belga, aos 72 anos

·1 min de leitura
Cantor belga Arno, em Paris, França, em 11 de fevereiro de 2020 (AFP/Christophe Archambault) (Christophe Archambault)

O cantor Arno, astro da música belga conhecido por sua voz rouca e forte, morreu neste sábado (23), aos 72 anos de câncer - informou seu agente.

"Arno nos deixou em 23 de abril. Todos sentiremos sua falta (...) mas ele sempre estará aqui, graças à música que o manteve até o fim", escreveu seu agente, Filip De Groote, em um comunicado.

Em fevereiro de 2020, durante turnê do álbum "Santeboutique" (2019), o cantor anunciou que sofria de câncer no pâncreas. Teve de interromper seus shows para se submeter a uma cirurgia.

Arno Hintjens nasceu em 21 de maio de 1949, em Ostende, uma cidade costeira flamenga, da qual nunca se distanciou e que costumava citar em suas músicas. Cantava em flamengo, inglês e francês e, às vezes, era comparado a Tom Waits.

O rei Filipe, da Bélgica, descreveu-o como "um ícone da cena musical belga".

jug/fmi/oaa/sag/eg/gf/tt

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos