Morre aos 56 anos Steve Mackey, baixista da banda Pulp

Steve Mackey, baixista da banda Pulp durante seu auge, morreu aos 56 anos, anunciou a banda de pop britânico, que este ano planeja se reunir para uma turnê.

Nascido em Sheffield, no norte da Inglaterra, Mackey entrou no Pulp - formada em 1978 e até então pouco conhecida - em 1989 e participou dos álbuns "Separations", "Different Class" e "His 'n' Hers", que incluem grandes sucessos do grupo, como "Common People".

“Nosso amigo e amado baixista Steve Mackey morreu esta manhã”, informou a banda pelo Instagram, junto a uma foto do músico escalando uma montanha dos Andes durante uma turnê pela América do Sul em 2012, “uma experiência mágica”.

“Steve era uma pessoa que tornava projetos realidade, em sua vida e para o grupo, e gostaríamos de pensar que ele está de volta a essas montanhas para a próxima etapa de sua aventura”, diz o texto.

Sua esposa, a estilista Katie Grand, explicou por meio da conta de Mackey no Instagram que o baixista morreu "depois de três meses no hospital lutando com força e determinação".

Depois da sua carreira no Pulp, cujo último álbum data de 2013, ele colaborou na produção de artistas como Florence and the Machine e Arcade Fire.

Quando o vocalista do Pulp, Jarvis Cocker, anunciou recentemente a turnê de festivais que a banda tem prevista para o próximo verão (do hemisfério norte), Steve Mackey disse que não planejava participar porque queria "continuar com alguns projetos na música, no cinema e na fotografia".

gmo/vg/jvb/mb/ic