Morre Aaron Carter, músico irmão de Nick Carter, dos Backstreet Boys

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O músico Aaron Carter foi encontrado morto neste sábado, dia 5, em sua casa em Lancaster, na Califórnia. A informação é do site americano TMZ.

Segundo a página, o corpo de Carter foi encontrado na banheira de sua casa. Fontes na polícia afirmam que detetives da área de homicídios foram enviados para investigar o caso, mas não há nenhuma informação ou evidência de homicídio —é um procedimento padrão em mortes como esta.

Carter ficou famoso no final dos anos 1990, na esteira do estrelato de seu irmão, Nick Carter, um dos Backstreet Boys. Ele lançou seu primeiro álbum em 1997, aos 9 anos, e participou de várias turnês com o irmão mais velho.

Ele também trabalhou como ator, com participações em séries para a TV, como "Angie Tribeca" e "Sétimo Céu", e filmes, como "I Want Someone to Eat Cheese With" e "Popstar".

Em setembro deste ano, fãs de Carter acionaram a polícia após suspeitarem de uma overdose após ele fazer uma live direto de sua casa. Na época, policiais e agentes do Corpo de Bombeiros foram ao local e constataram que o artista estava bem.

Apesar da suspeita dos internautas de que o cantor estaria usando drogas durante a live, os agentes que estiveram em sua casa não encontraram nenhum sinal de entorpecentes. O artista disse depois que os sons que os fãs ouviram na live era uma brincadeira.