Modelo da Sports Illustrated conta como venceu a anorexia

Reprodução/Instagram @missmiakang

Assim como várias modelos da indústria, Mia Kang se viu pressionada e sofreu com a anorexia e bulimia. Após anos vivendo esse drama, ela superou a doença e se tornou uma das modelos daSports Illustrated, publicação conhecida por sua edição de biquíni.

Leia mais: Segundo pesquisa, um terço da população não identifica sintomas de distúrbios alimentares

Mia usou o Instagram para compartilhar sua experiência e a diferença é evidente. “Eu cheguei a ficar 10 dias sem comer comida sólida e fumava um maço de cigarros por dia. Estava obcecada com as minhas clavículas, costelas e ossos do quadril. Eu queria muito ter um espaço entre as coxas. Estava prestes a fotografar para a Sports Illustrated Swimsuit pela primeira vez e estava tentando parecer uma angel da Victoria’s Secret”, conta.

Foi quando descobriu o Muay Thai que sua vida começou a mudar e após nove meses de treinamento, ela começou a ganhar peso e voltar a ser saudável. “Eu amo minhas coxas, minhas curvas. Eu ainda tenho inseguranças em relação ao meu novo corpo, assim como todo mundo. Mas eu conheço meu corpo, respeito-o e amo-o”.

Leia mais: Blogueira de 19 anos que incentivava anorexia é presa na Itália

Mia segue dizendo que não é fácil olhar para as fotos de quando estava doente, mas se sente feliz em inspirar outras meninas a não cometerem o mesmo erro. “Transtornos alimentares não desaparecem, mas você pode aprender a administrá-los e a se curar. Você pode reprogramar seu pensamento. Quero mostrar às mulheres que tudo bem ganhar peso. Seja saudável e seja confiante. Nós temos um corpo e uma vida, não deixe suas inseguranças impedir você de ser feliz”.