“Missão: Impossível 7”: Tom Cruise dá bronca na equipe por violar protocolos contra Covid-19

Mayumi Yamasaki
·1 minuto de leitura
O filme está previsto para novembro de 2021 (Reprodução)
(Reprodução)

Eita! Parece que Tom Cruise discutiu com a equipe de “Missão: Impossível 7” após ver duas pessoas muito próximas em frente a uma tela de computador no set de filmagens. Em um áudio divulgado nesta terça-feira (15) pelo The Sun, é possível ouvir o ator ameaçando demitir aqueles que desrespeitaram regras de segurança contra a Covid-19.

Nervoso, o artista disse: “Eu fico ao telefone todas as noites com o estúdio, com empresas de seguro, produtores e eles estão olhando para nós e nos usando [como exemplo] para fazer seus filmes. Estamos criando milhares de empregos, seus filhos da mãe. Eu não quero ver isso de novo, nunca mais”.

Durante a discussão, Tom Cruise também citou a posição de privilégio em que a equipe de “Missão: Impossível 7” se encontra, já que muitas pessoas da indústria do cinema estão desempregadas: “Não vai ter comida em suas mesas ou dinheiro para pagar a universidade. É com isso que eu durmo [preocupado] todas as noites”.

Segundo o áudio publicado pelos tabloides, o artista encerrou a conversa de maneira bastante enfática, garantindo que não pretende abrir mão da segurança no set. “Vocês entendem a responsabilidade que têm? Se não conseguirem ser razoáveis e eu não conseguir lidar com a lógica de vocês, serão demitidos. É isso. Confio em vocês para permanecerem aqui”, completou.

Dirigido por Christopher McQuarrie e estrelado por Cruise, o próximo filme da franquia “Missão: Impossível” está com o lançamento previsto para novembro de 2021.