'Minha mãe está bem', diz filho de Preta Gil após diagnóstico de câncer

***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 01.03.2020 - A cantora Preta Gil. (Foto: Eduardo Knapp/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 01.03.2020 - A cantora Preta Gil. (Foto: Eduardo Knapp/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - "A todos que estão mandando mensagens, minha mãe está bem, vai ficar tudo bem". Foi dessa forma que Francisco Gil, filho de Preta Gil, confortou os fãs da artista que descobriu ter um câncer de intestino.

A própria Preta, 48, usou as redes sociais nesta terça-feira (10) para dizer a todos que havia recebido o diagnóstico positivo. Ela ficou internada seis dias na Clínica São Vicente, no Rio, devido a um desconforto que sentia e, após exames, descobriu a doença.

"Graças a Deus, hoje eu recebi um diagnóstico definitivo. Tenho um adenocarcinoma na porção final do intestino. Inicio meu tratamento já na próxima segunda-feira [16] e conto com a energia de todos para seguir tranquila e confiante", publicou.

Inicialmente, a família da cantora havia falado que ela tinha sido internada em 5 de janeiro devido a uma crise de enxaqueca persistente, o que fez com que os médicos recomendassem uma série de exames. "A ressonância da cabeça não deu nada, está tudo certo. O intestino dela está preso, talvez tenha que fazer uma lavagem e depois volta para casa", disse Flora Gil, mulher de Gilberto Gil, pai da cantora.

Segundo a Sobed (Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva), o adenocarcinoma é um tumor maligno que pode acometer vários segmentos do trato digestivo, incluindo o intestino grosso. Ele costuma surgir como um pequeno pólipo que em cerca de dez anos cresce de tamanho e evolui para o adenocarcinoma.