Michael Jackson quase interpretou Morpheus em "Sandman", revela Neil Gaiman

Cantor Michael Jackson visitando Harrods em outubro em 2005 em Londres, Inglaterra. Ao lado, Tom Sturridge como Morpheus em
Cantor Michael Jackson visitando Harrods em outubro em 2005 em Londres, Inglaterra. Ao lado, Tom Sturridge como Morpheus em "Sandman". (Foto: Dave M. Benett/Getty Images/Divulgação/Netflix)

Ao longo de três décadas, houveram muitas tentativas para adaptar "Sandman" para as telonas antes da história se tornar o novo sucesso da Netflix. Um desses projetos, que não foram levados adiante, quase teve Michael Jackson (1958-2009) no papel de Morpheus.

Neil Gaiman, autor das HQs da DC, revelou que um dos filmes que quase levaram a história do Rei de Sonhar para os cinemas teria o Rei do Pop como protagonista, em 1996. Ele conta que os executivos da Warner Bros. o convidaram para a reunião e revelaram que o músico estava interessado em estrelar o projeto.

O autor de 61 anos relata que foi o próprio cantor que entrou em contato com o presidente da Warner para negociar o papel de Sonho dos Perpétuos. “Em 1996, eu estava sendo levado para a Warner, onde o então presidente do estúdio sentou comigo e me disse que Michael Jackson havia telefonado para ele no dia anterior e perguntado se ele poderia estrelar como Morpheus em 'The Sandman'", contou em entrevista ao canal "Happy Sad Confused", comandado por Josh Horowitz.

"Então, havia muito interesse nisso e eles sabiam que era uma dos principais projetos. O que eu achava? E eu fiquei tipo: ‘Oh'”, contou Gaiman. Mas como todos os projetos, a sugestão nunca foi concretizada e a ideia nunca saiu do papel.

O artista não foi o único que quase interpretou Morpheus antes de Tom Sturridge ("Irma Vep") conseguir o papel. Em 2013, o ator Joseph Gordon-Levitt, de "(500) Dias com Ela" e "10 Coisas que Eu Odeio em Você", chegou a ser escalado para um filme de "Sandman", que acabou sendo cancelado em 2016.